[SC] Lista de 5 animes para iniciantes

Fui incumbido com a tarefa de escolher 5 séries de anime para quem está começando a apreciar esse formato de animação tão distinto. Escolhi aqueles que talvez tenham ajudado mais a moldar minhas preferências e não necessariamente meus animes favoritos. (Dei uma pequena trapaceada na lista, mas vocês não se importam né?)

 

1 – Dragon Ball

Uma das escolhas mais óbvias está aqui porque é divertido e fácil de acompanhar. Gosto mais da primeira fase da história, focada na busca pelas esferas. É muito mais uma aventura com algumas lutas e várias situações cômicas. Goku criança é muito fofinho e tem o vilão mais estiloso de todos os tempos, Tao Pai Pai. A fase “Z” vai se concentrar nas lutas titânicas e devastadoras e para mim só vale a pena até o encerramento da saga do Cell. Dragon Ball Super? Ugh!

(Se você gostar de Dragon Ball, provavelmente gostará também de Yu Yu Hakusho)

 

2 – Clannad

A primeira temporada é pouco mais do que um draminha escolar com um menino protagonista numa situação de harém. Foi um dos primeiros animes desse gênero que acompanhei, os personagens são cativantes e a história é divertida e melancólica na mesma proporção.

É a segunda temporada que vai fazer você se recordar desse anime. O garoto escolheu a garota e terminou a vida escolar. E agora? Bem, agora vamos ver o casal entrando na vida adulta, passando por fases boas e algumas tragédias. Os personagens secundários fazem algumas participações e também é mostrado como estão se virando com suas vidas. Se você não tiver um coração de pedra, é garantido que vai chorar em algum momento.

(Se você gostar de Clannad, é provável que também vai gostar de Honey and Clover)

 

3 – Fullmetal Alchemist: Brotherhood

A história se passa num mundo governado pela influência do poder da alquimia, que pouco tem a ver com o conceito de alquimia que conhecemos no nosso mundo real. Nesse universo os alquimistas são capazes de feitos e proezas quase divinas. Acompanhamos os irmãos Elric numa jornada de redenção que toma proporções épicas.

Desenvolvimento dos personagens, visual, profundidade de enredo, ritmo da narrativa, praticamente tudo nessa animação é excelente. Também conta com sequências de ação muito bem feitas. No meu coração ele divide lugar com apenas mais uma série no topo.

Existe uma versão mais antiga, que até que é legal em alguns pontos, mas é bem chata e confusa numa grande parte dela.

(Se você gostou de Fullmetal Alchemist: Brotherhood, talvez goste também de Code Geass)

 

4- Parasyte (Kiseiju)

Shinichi é um adolescente japonês comum que vê sua vida virar do avesso depois de ter seu braço direito substituído por uma forma de parasita alienígena inteligente.

Parasyte é um anime muito interessante por tratar  de questões morais, filosóficas e até ecológicas com uma narrativa bastante versátil. A animação consegue equilibrar momentos de tensão e seriedade com outros de leveza e divertimento. É muito satisfatório acompanhar a evolução da relação entre o protagonista e o alienígena que divide o corpo com ele, carinhosamente apelidado de Migi.

(Se você gostar de Parasyte, talvez acabe gostando também de Ajin)

 

5 – Cowboy Bebop

Lembra quando eu falei sobre um determinado anime que dividia meu coração com Fullmetal Alchemist? Cowboy Bebop foi uma das primeiras séries que conheci no período inicial da popularização dos animes pela internet.

O enredo acompanha um grupo de caçadores de recompensa tentando se virar num universo futurista onde a humanidade já possui uma tecnologia avançada o suficiente para explorar o espaço. A animação mistura elementos sci-fi e noir, e também usa várias referencias cinematográficas e musicais da cultura pop. Todos os personagens da tripulação têm uma vida pregressa da qual estão tentando escapar.
Cowboy Bebop é estiloso e muito bem feito, da trilha sonora até a qualidade visual da animação, que oferece cenas de ação e pancadaria muito boas.

(Se gostar de Cowboy Bebop, provavelmente vai gostar de Samurai Champloo)

 

É isso gente, tentei diversificar o melhor que pude dentro do meu gosto para animes, pois é importante lembrar que a produção é MUITO diversificada. Deixei bastante coisa importante de fora, infelizmente.

Não existe essa coisa de “não gosto de animes”, é apenas uma questão de não perder tempo com coisas que não lhe agradam totalmente. Seu gosto pode evoluir com o tempo, ou você pode muito bem curtir o mesmo nicho para todo o sempre.

Abraços,

Nelson.