Sphera Literária #65 : Conheça alguns títulos da Literatura Nerd

1) O Planeta Dos Macacos, de Pierre Boulle (Editora Aleph)
'O Planeta Dos Macacos', de Pierre Boulle / Divulgação

Em pouco tempo, os desbravadores do espaço descobrem a terrível verdade – nesse mundo, seus pares humanos não passam de bestas selvagens a serviço da espécie dominante… os macacos. Boulle revisita algumas das questões mais antigas da humanidade – O que define o homem? O que nos diferencia dos animais? Quem são os verdadeiros inimigos de nossa espécie?

2) Agência de investigações holísticas Dirk Gently, de Douglas Adams (Editora Arqueiro)
'Agência de investigações holísticas Dirk Gently', de Douglas Adams / Divulgação

Richard MacDuff é um engenheiro de computação perfeitamente normal que sempre se comportou muito bem, até o dia em que deixa uma mensagem equivocada na secretária eletrônica de sua namorada, Susan Way. Arrependido, toma a decisão mais natural possível – escalar o prédio dela e invadir seu apartamento para roubar a fita com a gravação. Na vizinhança, Dirk Gently bisbilhota os arredores com seu binóculo quando presencia o ato tresloucado do antigo colega de faculdade e decide entrar em contato para lhe oferecer seus serviços investigativos. Depois de uma série de acontecimentos bizarros, o detetive percebe uma interconexão obscura entre a atitude estapafúrdia do amigo e o assassinato de Gordon Way – irmão de Susan e chefe de Richard, que passa a ser suspeito do crime. De uma hora para outra, os dois veem-se envolvidos num caso incrivelmente estranho, com elementos díspares e desconexos que, no final, conseguem se encaixar de forma perfeita e construir a trama.

3) Pequenos Deuses, de Terry Pratchett  -Editora Bertrand Brasil
'Pequenos Deuses', de Terry Pratchett / Divulgação

Em Pequenos Deuses, Terry Pratchett faz uso de seu ácido humor para desenvolver uma crítica mordaz à religião institucionalizada. No Discworld – mundo palco de suas dezenas de histórias -, o deus Om percebe, ao tentar se manifestar na Terra, que ficou preso no corpo de uma pequena tartaruga. Precisará, então, contar com o auxílio do noviço Brutha para descobrir como recobrar seu poder – e a crença que lhe dá vida – ao mesmo tempo em que grandes figurões planejam uma guerra santa. Pratchett, nesta sátira em seu mundo fantástico, volta a fazer o que faz de melhor – usa a fantasia e o humor para falar da realidade.

4) ‘Doctor Who: O Prisioneiro dos Daleks, de Trevor Baxendale (Editora Suma das Letras)
'Doctor Who: O Prisioneiro dos Daleks', de Trevor Baxendale / Divulgação

O Império Dalek não para de se expandir, e batalhas eclodem em vários sistemas solares. Quando o futuro da galáxia está em jogo, o Doutor se vê a bordo de uma nave próxima à linha de frente, junto a um implacável grupo de caçadores de recompensas.

O Comando da Terra paga a eles por cada Dalek morto, por cada olho entregue como prova. Mas, com a ajuda do Doutor, os caçadores conseguem algo de valor inestimável: um Dalek inteiro, vivo, com os sistemas desarmados e prontos para ser interrogado. No entanto, com os Daleks nada é o que parece e ninguém está a salvo. Quando o jogo virar, como o Doutor sobreviverá ao se tornar prisioneiro de seu maior inimigo?

5) Star Wars: A Trilogia – Special Edition, de George Lucas, Donald F. Glut e James Kahn (Editora DarkSide)
Livro - Star Wars: A Trilogia - Special Edition

A saga que atravessou o espaço e inúmeras gerações de fãs retorna ao público brasileiro em grande estilo. As histórias clássicas de Luke Skywalker, Han Solo, Princesa Leia, Mestre Yoda e Darth Vader ganham as páginas luxuosas de Star Wars, A Trilogia. A obra reúne os romances inspirados nos três primeiros filmes do universo fantástico criado por George Lucas: Uma Nova Esperança, O Império Contra-Ataca e O Retorno de Jedi. Os três títulos chegaram a ser lançados no Brasil, sendo o último deles em 1983. Mas esta é a primeira vez que a trilogia completa é editada em nosso país num único volume, em capa dura. O acabamento segue o padrão quase psicopata de qualidade da editora DarkSide.

6) Protocolo Bluehand: Alienígenas, de Eduardo Spohr, Alexandre Ottoni e Deive Pazos (NerdBooks)
'Protocolo Bluehand: Alienígenas', de Eduardo Spohr, Alexandre Ottoni e Deive Pazos / Divulgação

O Protocolo Bluehand é um conjunto de diretrizes e conhecimentos que farão a diferença na subsistência e resistência contra os mais diversos perigos ignorados pelo senso comum social.

O codinome Bluehand nasceu no site Jovem Nerd como sinônimo de uma pessoa curiosa e interessada, o típico nerd, aquele sujeito que, por sua inteligência e sapiência, tornar-se-ia indispensável em uma situação de emergência. No entanto, esse termo deve ser extrapolado acima de um único indivíduo, se a raça humana aspira sobreviver a um evento de proporções cataclísmicas.

Quem devemos procurar em uma sociedade fragmentada pela obliteração de organizações políticas, civis e militares? Se você leu este livro, já sabe a resposta.

7) J.R.R. Tolkien – o Senhor da Fantasia, de Michael White (Editora DarkSide)
'J.r.r. Tolkien - o Senhor da Fantasia', de Michael White / Divulgação

J.R.R. Tolkien, o Senhor da Fantasia reconta a vida de Tolkien, autor de clássicos como a trilogia O Senhor dos Anéis e O Hobbit, e considerado um dos maiores autores de fantasia de todos os tempos. A biografia acompanha a vida e a trajetória do escritor, começando por sua infância na África do Sul, seguida do retorno da família para a Inglaterra. Os Tolkien estabeleceram-se em Birmingham, cidade que passava por uma rápida industrialização nos anos 1890, mas ainda era cercada por uma paisagem de tirar o fôlego. Este cenário que reunia e mesclava o coração industrial do Império britânico próximo a bosques e montanhas idílicas e selvagens foi determinante para as ideias e a escrita de Tolkien.

8) ‘Vingadores – Todos Querem Dominar o Mundo’, de Dan Abnett (Editora Novo Século)
'Vingadores: Todos querem dominar o mundo' de Dan Abnett / Divulgação

Quantos vilões são necessários para dominar o mundo?

No clima de Vingadores: a era de Ultron chega uma nova história escrita pelo autor best-seller do The New York Times, Dan Abnett. Os poderosos Vingadores enfrentam, em uma série de batalhas ao redor do mundo, os seus maiores inimigos de uma única vez. Em Berlim, Capitão América mede forças com a Hidra. Numa ilha desconhecida, Gavião Arqueiro e Viúva Negra tentam despistar a I.M.A. (Ideias Mecânicas Avançadas). Em Washington, Homem de Ferro luta contra Ultron. Thor enfrenta um exército inteiro na Sibéria. E, em Madripoor, Bruce Banner e Nick Fury travam uma batalha contra o Alto Revolucionário. Somente uma coisa é certa: nada disso é coincidência. Qual será a verdadeira e grande ameaça que está por trás desses ataques simultâneos na Terra?

9) Sombra do paraíso, de David S. Goyer e Michael Cassutt (Editora Aleph)
'Sombra do paraíso', de David S. Goyer e Michael Cassutt / Divulgação

No ano de 2016, cientistas descobrem um astro de natureza desconhecida se aproximando da Terra. Batizado de Keanu, ele logo se torna o destino de uma corrida espacial em pleno século 21. A NASA e a coalizão Rússia-Índia-Brasil passam a concorrer entre si, em uma missão de descobrimento científico temperada com intrigas políticas. Em meio a conflitos pessoais e familiares, o comandante norte-americano Zack Stewart e sua tripulação enfrentam uma perturbação na já complicada rotina no espaço. Keanu é muito mais do que aparenta, e logo os cosmonautas da Destiny-7 e da Brahma veem sua importante missão se transformar em uma aventura perigosa, sem precedentes na história da humanidade. Com um enredo misterioso, envolvente e inquietante, Sombra do paraíso é o primeiro volume da saga de Keanu, escrita a quatro mãos por dois grandes nomes do cinema e da televisão. Uma obra surpreendente, rica em detalhes sobre viagens espaciais e indispensável para todos os amantes das ciências e de aventuras no espaço.

10) Filhos do Éden – Herdeiros de Atlântida – Livro 1, de Eduardo Spohr (Verus Editora)
'Filhos do Éden - Herdeiros de Atlântida - Livro 1', de Eduardo Spohr / Divulgação

Filhos do Éden – Herdeiros de Atlântida – Livro 1 é o segundo romance do jornalista Eduardo Spohr. A narrativa, ambientada no mesmo cenário de A Batalha do Apocalipse, sua obra anterior, transcorre nos dias atuais e explora uma nova perspectiva da guerra no céu – a visão dos capitães e soldados, e não dos grandes generais, tão amplamente retratados no livro de estreia. Este romance não é uma continuação de A Batalha, e sim o início de uma nova saga, em que algumas questões, antes obscuras, são enfim respondidas, enquanto outras são lançadas ao público. Tampouco se trata de um épico. É, acima de tudo, uma aventura, um autêntico thriller de fantasia, menos heroico e mais dinâmico, mais humano, com pitadas de conteúdo histórico, romance e mitologia. A ação divide-se entre Kaira, uma celestial que luta para recuperar a memória após anos vivendo na terra, e Denyel, um querubim exilado, uma figura vulgar e sombria, que trabalhou como assassino das legiões inimigas, mas que hoje, solitário e desonrado, procura ser incorporado às fileiras rebeldes.

Em paralelo, acompanhamos o drama de um terceiro personagem, conhecido apenas como Primeiro Anjo, o líder dos sentinelas – poderosos agentes designados por Deus para, num passado remoto, instruir e proteger as primeiras tribos humanas. Punidos por se recusarem a tomar parte nas catástrofes antigas, os sentinelas agora buscam vingança, numa caçada que se estenderá aos outros volumes da série. Para os novos leitores, o livro é um romance informativo, uma maneira simples de conhecer a mitologia, os combates e a estruturação de forças desse universo fantástico. Para os fãs, é uma expansão divertida, que explora o conflito entre as castas, os planos de existência, os deuses etéreos e o dia a dia da guerra civil, o confronto que, em um futuro próximo, conduzirá à tão aguardada Batalha do Apocalipse.

 

Filhos do Éden – Anjos da Morte – Livro 2, de Eduardo Spohr (Verus Editora)
'Filhos do Éden - Anjos da Morte - Livro 2', de Eduardo Spohr / Divulgação

Desde eras longínquas, os malakins, anjos virtuosos e sábios, observam e estudam o progresso do homem. Mas eis que chega o século XX, e com ele a acelerada degradação do planeta. Os novos meios de transporte, os barcos a vapor e as estradas de ferro levaram a civilização aos cantos mais distantes do globo, afastando os mortais da natureza divina, alargando as fronteiras entre o nosso mundo e as sete camadas do céu.

Isolados no paraíso, os malakins solicitaram então a ajuda dos “exilados”, anjos pacíficos que há anos atuavam na terra. Sua tarefa, a partir de agora, seria participar das guerras humanas, de todas as guerras, para anotar as façanhas militares, o comportamento das tropas, e depois relatá-las aos seus superiores celestes. Disfarçado de soldados comuns, esse grupo esteve presente desde as trincheiras do Somme às praias da Normandia, das selvas da Indochina ao declínio da União Soviética. Embora muitos não desejassem matar, foi isso o que lhes foi ordenado, e o que infelizmente acabaram fazendo.

Carregado de batalhas épicas, magia negra e personagens fantásticos, Filhos do Éden: Anjos da Morte é também um inquietante relato sobre o nosso tempo, uma crítica à corrupção dos governos, aos massacres e extremismos, um alerta para o que nos tornamos e para o que ainda podemos nos tornar.

Fonte: http://www.vailendo.com.br/2015/05/28/10-dicas-de-livros-nerds-2015/

One thought on “Sphera Literária #65 : Conheça alguns títulos da Literatura Nerd

  1. Pingback: Cıvata

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>