SpheraView #36 – Bem-Vindo aos 40 (This Is 40) e Ligeiramente Grávidos(Knocked Up)

Olá amigos spheronautas,

Hoje só estaria trazendo o filme que assisti nesse final de semana, chamado “Bem-Vindo aos 40″. Porém, fazendo minhas pesquisas pré-postagens descobri que ele é uma sequencia espiritual de um outro filme, chamado “Ligeiramente Grávidos”. Sendo que esse segundo, por muito não seguiu sendo a continuação do filme “Um virgem de 40″, mas no final ele acabou adquirindo vida própria e acabou não rolando. Não sei se todos os nossos leitores sabiam dessas informações, mas pra mim, foi algo que explodiu minha cabeça.

Sinopses:

Ligeiramente Grávidos

Alison Scott (Katherine Heigl) é uma jovem bonita e ambiciosa, que está para estrear como repórter de uma importante emissora de TV. Ben Stone (Seth Rogen) e seus 4 amigos dividem o aluguel de uma casa bagunçada, sendo que todos insistem em se manter na adolescência mesmo já tendo 20 e poucos anos. Alison e Ben se conhecem numa boate e, completamente bêbados, passam a noite juntos. A ligação entre eles terminaria aí, mas algumas semanas depois Alison liga para Ben para informá-lo que está esperando um filho dele. A notícia faz com que Ben passe a questionar sua própria vida, além de aproximar duas pessoas que preferiam jamais ter se conhecido.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=UmpFcsR-ezY&w=400&h=225]

Bem-Vindo aos 40

Um olhar na vida de Debbie (Leslie Mann) e Pete (Paul Rudd) anos após o ocorrido em Ligeiramente Grávidos. Ambos com 40 anos, eles resolvem dar um jeito na vida e fugir da rotina através de dietas, exercícios e um contato mais próximo com as filhas Maude Apatow e Charlotte. A direção é de Judd Apatow.

Obs: só conseguimos achar o trailer legendado em português de Portugal, porem o áudio ta em inglês, então da pra ver de boa.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?v=BOJqbFbBjf8&w=400&h=225]

Análise

Em “Ligeiramente Grávidos”, vemos Ben, um jovem solteirão muito apegado a uma vida fácil e de farras constantes, que em uma noite se dá bem com uma mulher linda, e que ele não conseguiria “pegar” nem em seus melhores sonhos. Do outro lado temos a linda Alison, uma mulher jovem porém decidida, que sabe o que quer, e que acaba de ganhar uma promoção no trabalho. Seus destinos são cruzados quando Alison decidi ir a uma balada com as amigas para comemorar, e embalada a muitos drinques acaba ficando com Ben e passam a noite juntos. Como toda comédia romântica, já sabemos tudo que irá acontecer, mas a forma como os fatos são contados e as situações que vão acontecendo são bem legais, você acaba conseguindo digerir tudo com um sorriso. Eu gostei bastante do filme, até mesmo da irmã chata da Alison, a Debbie, uma mulher casada e mãe de 2 filhas, e seu marido frustrado Pete. Ela acaba exercendo o papel de “A razão de Alison” mostrando sempre o lado mais racional para a irmã. E ele é um bom alívio cômico e suas cenas normalmente são bem divertidas.

Já em “Bem-Vindos aos 40″, passaram-se alguns anos, agora vemos que Debbie e Pete viram as estrelas do longa. O filme se passa quando eles iniciando na famosa “crise dos 40″, tendo duas filhas para criar, contas pra pagar e muitos outros problemas para resolver. O filme é regado de referências POP, participações especiais, bem divertido também. Realmente tiveram partes hilárias, porem, os momentos menos cômicos também estão presente. Ele tem algumas gordurinhas(partes que poderiam ter sido tiradas pra dar mais fluides ao longa), mas nada tão preocupante ou que deixe monótono.

Pra quem não sabe, o diretor, Judd Apatow é marido da atriz Leslie Mann(Debbie), e as atrizes que interpretam Sadie(Maude Apatow) e Charllote(Iris Apatow) são realmente filhas do casal, e as duas também encarnaram suas personagem em “Ligeiramente Grávidos”, transformando tudo isso não em uma comédia romântica, mas sim uma grande comédia familiar. Eu gosto desse toque mais familiar, mais humano. No fim acabou parecendo que esse não era o filme da família de Debbie e Pete, mas sim da família Apatow.

Analisando todo o contexto, eu gostei muito do projeto. Ambos os filmes são divertidos. Nem todo filme precisa ser uma obra-prima ou querer ser uma. Existem filmes pra se entreter, e se entreter em família, e isso eles cumprem muito bem.

Os dois filmes tem cenas pós-créditos, não vá perder nada!!

Nota Geral:

Bonequinho nota 7

Com Seth Rogen, Katherine Heigl, Paul Rudd, Leslie Mann, John Lithgow , “Bem-Vindo aos 40 ” e “Ligeiramente Grávidos” Já estão por ai nas melhores locadoras e serviços ondemand!!

40gravidos