filme-it-a-coisa-2017-de-andres-muschietti-1484075577046_v2_1920x1080

[SC] Confira os trailers que mais estão bombando por aí

Olá amigos do sphera, eu sou o Sr. Cuca Fresca e hoje trouxe alguns trailers de futuros lançamentos  que estão bombando por aí. Estou ansioso para conferir especialmente a Torre Negra e os Defensores. Não podemos esquecer também das séries temáticas como House of Cards. Confere aí e deixe nos comentários sua sugestão ok?

A Torre Negra

Sinopse: Um pistoleiro chamado Roland Deschain (Idris Elba) percorre o mundo em busca da famosa Torre Negra, prédio mágico que está prestes a desaparecer. Essa busca envolve uma intensa perseguição ao poderoso Homem de Preto (Matthew McConaughey), passagens entre tempos diferentes, encontros intensos e confusões entre o real e o imaginário. Baseado na obra literária homônima de Stephen King.

Título original: The Dark Tower
Elenco: Idris Elba, Matthew McConaughey, Tom Taylor (IV)
Lançamento previsto: 27 de julho

Os Defensores – Marvel

Sinopse: A série Marvel – Os Defensores reúne Demolidor (Charlie Cox), Jessica Jones (Krysten Ritter), Luke Cage (Mike Colter) e Punho de Ferro (Finn Jones). Quatro heróis extraordinários com um objetivo comum – salvar Nova York. A saga de personagens solitários atormentados por angústias particulares, mas que percebem como podem ser mais poderosos quando lutam juntos. A série original da Netflix tem estreia mundial em 18 de agosto.

Título original: The Defenders
Elenco: Charlie Cox, Krysten Ritter, Mike Colter
Lançamento previsto: 2017

It a Coisa

Sinopse: Um grupo de sete adolescentes de Derry, uma cidade no Maine, formam o auto-intitulado “Losers Club” – o clube dos perdedores. A pacata rotina da cidade é abalada quando crianças começam a desaparecer e tudo o que pode ser encontrado delas são partes de seus corpos. Logo, os integrantes do “Losers Club” acabam ficando face a face com o responsável pelos crimes: o palhaço Pennywise.

Elenco: Bill Skarsgård, Jaeden Lieberher, Finn Wolfhard
Lançamento: 2017

 

House of Cards | 5 Temporada

O vídeo apresenta uma série de cenas de impacto, revelando a maneira como Frank Underwood (Kevin Spacey) e Claire Underwood (Robin Wright) mostram-se unidos publicamente, apesar de o casal enfrentar uma crise nos bastidores. A intenção é se manter no poder, o máximo possível.

 

maxresdefault

[SL] Fazendo Quadrinhos em 7 Passos: 5 – O Lápis | Escrevendo Quadrinhos

Hoje vamos conversar sobre desenhar o lápis de uma página. Falamos de materiais, técnicas e dicas em geral pra garantir a base para a sua arte final.


Quer saber mais sobre meu trabalho? Aqui vai a lista de links úteis:

Meu Site:
https://www.raphapinheiro.com/
Facebook:
https://www.facebook.com/raphacpinhei…
Instagram:
https://www.instagram.com/raphacpinhe…
Twitter:
https://twitter.com/RaphaCPinheiro

Aquele abraço!

Cinema

[SC] Lançamentos de Cinema – 04/05/2017

Olá Geeks! Vamos renovar os ares desta semana com as estreias de cinema ?

 

Ninguém entra ninguém sai (Hsu Chien, Brasil)

Melhores Amigos (Little Men, Ira Sachs, EUA)

Rock Dog – No faro do sucesso (Rock dog, Ash Brannon, China, EUA)

Mimosas (Oliver Laxe, França, Marrocos, Espanha)

Norman – Confie em Mim (Norman: The Moderate Rise and Tragic Fall of a New York Fixer, Joseph Cedar, EUA)

A Autópsia (The autopsy of Jane Doe, André Øvredal, Reino Unido, EUA)

Sobre Viagens e Amores (L’estate Adosso, Gabriele Muccino, EUA, Itália)

A Filha (The Daughter, Simon Stone, Austrália)

Clash (Eshtebak, Mohamed Diab, Egito, França)

9788579622878_300_grafica

[SL] Vídeo Resenha: Senhor das Moscas de William Golding

Olá, eu sou a Lia, do Canal Lia o Livro, e trago hoje a vídeo resenha do livros Senhor das Moscas do escritor  William Golding.

Título: Senhor das moscas
Autor: William Golding      Editora: Alfaguara
Ano: 2013                           Páginas: 224      Edição: 1

Sinopse: Publicado originalmente em 1954, “Senhor das Moscas” é um dos romances essenciais da literatura mundial. Adaptado duas vezes para o cinema, traduzido para 35 idiomas, o clássico de William Golding — que já foi visto como uma alegoria, uma parábola, um tratado político e mesmo uma visão do apocalipse — vendeu, só em língua inglesa, mais de 25 milhões de exemplares. Durante a Segunda Guerra Mundial, um avião cai numa ilha deserta, e seus únicos sobreviventes são um grupo de meninos em idade escolar. Eles descobrem os encantos desse refúgio tropical e, liderados por Ralph, procuram se organizar enquanto esperam um possível resgate. Mas aos poucos — e por seus próprios desígnios — esses garotos aparentemente inocentes transformam a ilha numa visceral disputa pelo poder, e sua selvageria rasga a fina superfície da civilidade, que mantinham como uma lembrança remota da vida em sociedade. Ao narrar a história de meninos perdidos numa ilha paradisíaca, aos poucos se deixando levar pela barbárie, Golding constrói uma história eletrizante, ao mesmo tempo uma reflexão sobre a natureza do mal e a tênue linha entre o poder e a violência desmedida. A nova tradução para o português mostra como Senhor das Moscas mantém o mesmo impacto desde o seu lançamento: um clássico moderno; um livro que retrata de maneira inigualável as áreas de sombra e escuridão da essência do ser humano.

Links importantes:
– documentário sobre sr das moscas (discovery civilization): https://youtu.be/YMBPfsbUbXE
– Golding falando sobre lord of the flies: https://youtu.be/vYnfSV27vLY
– Animação sobre livro: https://youtu.be/-tXpA3dIEtI

Acompanhe meu trabalho nas mídias sociais e no meu canal do youtube. Não esqueça de deixar o seu like:

Blog: http://liaolivro.blogspot.com.br/
instagram: @liaolivro
Twitter: @mayumilia
email: liamayumii@gmail.com
caixa postal 81693-cep: 04378-971-São Paulo/SP

 

 

download

Netflix define data de estreia e divulga teaser de filme ‘Death Note’

Data de lançamento 25 de agosto de 2017
Direção: Adam Wingard
Elenco: Nat Wolff, Margaret Qualley, Willem Dafoe mais
Gêneros Suspense, Terror, Fantasia
Nacionalidade EUA
Adaptada do mangá de Takeshi Obata, a história gira em torno do jovem Light Yagami, um estudante brilhante, que ainda não sabe o que fazer com o seu futuro. Até o dia em que descobre o Death Note, um livro contendo nomes de pessoas que vão morrer. Ele descobre que pode adicionar nomes ao livro, causando a morte destas pessoas. Logo, começa a se livrar de uma porção de criminosos, mas seus atos despertam a atenção da polícia, e Light passa a ser seguido por um homem perigoso.

sono

[SL] Dobradinha Literária: Sono | Haruki Murakami

“É o décimo sétimo dia que não consigo dormir.” Ela era uma mulher com uma vida normal. Tinha um marido normal. Um filho normal. Ela até podia detectar algumas fissuras nessa vida aparentemente perfeita, mas nunca chegou a pensar seriamente nelas. Até o dia em que deixou de dormir. Então o mundo se revelou. Um mundo duplo de sombras e silêncio; um mundo onde nada é o que parece. E onde ela não pode mais fechar os olhos.

título: SONO
título original: Nemuri.
isbn: 9788579623752
idioma: Português
encadernação: Capa dura
páginas: 120
ano de edição: 2015
edição: 1ª

 

Clone_Troopers_Phase_I

[SC] Guerras Clônicas – Star Wars

Você já ouviu falar em Guerras Clônicas? As Guerras Clônicas foram um período no universo de Star Wars, onde houve um conflito entre a ordem Jedi (República Galáctica) e os Sith. Na época o povo comum não tinha conhecimento sobre os Sith, mais sim sobre a Confederação dos Sistemas Independentes.

Na verdade toda essa Guerra foi parte do plano do Chanceler Palpatine (Cujo Darth Sidious) , que optou por aprovar os clones para lutar juntamente  com os Jedi. É claro que uma hora essa bomba iria explodir, com a famosa ordem 66 que queria a execução de todos os Jedi. E foi exatamente isso que aconteceu.

Foi um extermínio praticamente total de Jedi.  Anakin Skywalker já se tornara Darth Vader, a ordem Jedi estava extinta e o que era república se via agora nas palavras do futuro Imperador “O Primeiro Império Galáctico”. E com a morte da República nasceu o Império Galáctico.

O universo ficou por um tempo em paz. Os gêmeos Skywalker foram separados até os eventos futuros.

Deixo esta dica no youtube para vocês acompanharem.

 

download

[SL] Clube de Leitura e Escrita – Fevereiro: Admirável Mundo Novo

Lançado em 1931, este é um livro baseado em teorias de grandes personalidades como Ford, Marx, Lenin e Freud. É como se o autor tivesse pego cada uma das ideias destes intelectuais e elaborado um mundo onde suas características em seu máximo. Apesar de o livro ter sido lançado na década de 30, a linguagem é contemporânea, sem palavras difíceis ou termos antigos, o que faz com que a leitura seja rápida.

O Autor  descreve uma sociedade extremamente científica, onde as pessoas são pré-condicionadas biologicamente e condicionadas psicologicamente a viverem em harmonia com as leis e regras sociais. Essa sociedade não possui ética religiosa e valores morais. Qualquer dúvida e insegurança dos cidadãos era dissipada com o consumo da droga, sem efeito colateral aparente, chamada “soma”.

O livro traça o contraste entre o ‘moderno” e o “atrasado”, tecendo críticas ao desenvolvimento da ciência, que, segundo o autor, ao contrário de promover benefícios à sociedade, contribuiu para o surgimento de diversos problemas de ordem social que posteriormente não seriam resolvidos.

 

Cinema

[SC] Lançamentos do Cinema: 23/02/2017

Olá Geeks e Cinéfilos,

Vamos conhecer as estreias desta semana nas melhores salas de cinema do país?

 

1. Monster Trucks (Chris Wedge, Estados Unidos)

2. A Lei da Noite (Live by night, Ben Affleck, EUA)

3. A Grande Muralha (The Great Wall, Yimou Zhang, EUA)

4. BugiGangue no Espaço (Ale Machado, Brasil)

5. Internet – O Filme (Filippo Capuzzi, Brasil)

6. A Jovem Rainha (The Girl King, Mika Kaurismäki, Finlândia, Alemanha, Canadá, Suécia, França)

7. Moonlight (Barry Jenkins, EUA)

5950847_orig

[SC] #EuNoOscar : Você conhece as indicadas para melhor atriz?

Olá amigos cinéfilos, eu sou Arita Souza e estou aqui para deixar uma palinha das indicadas para a categoria de melhor atris nesta 89º Cerimônia do Oscar de 2017.
Além de conhecer o nome dessas princesas da telona, deixo também algumas informações sobre as premiações de cada uma em suas carreiras.
Imagem Ruth Negga    “Loving”
Ruth Negga nasceu em Adis Abeba, capital da Etiópia, mas cresceu em Limerick, Irlanda. É filha de pai etíope e mãe irlandesa.  Sua carreira começou em 2004 com o filme “Capital Letters”. Depois participou de filmes como: “Jogos Do Crime” (2012); “Guerra Mundial Z” (2013) e “Noble” (2014). Ruth conquistou seu espaço com repercussão internacional pelo filme “Loving”, em 2016, sendo indicada ao Oscar De Melhor Atriz.
Além de filmes, a atriz já teve participações em séries, como: “Criminal Justice” (2008); “Love/Hate” (2010); “Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D.” (2013) e “Preacher” (2016.
Imagem Emma Stone “La La Land: Cantando Estações”
É atriz, dubladora e modelo americana. Stone começou sua carreira como atriz mirim atuando em peças teatrais até ganhar reconhecimento pelo seus desempenhos em Superbad (2007) e Zumbilândia (2009). Recebeu aclamação da crítica pelo seu papel na comédia Easy A (2010) que a fez tornar uma das mais promissoras atrizes em Hollywood. Ganhou notoriedade também pelo seus desempenhos na comédia romântica Crazy Stupid Love (2012), e pelo drama aclamado pela critica The Help (2011). Seu maior sucesso comercial no entanto veio interpretando Gwen Stacy nos filmes de super-herói da Sony The Amazing Spider Man (2012) e The Amazing Spider Man 2 (2014) que faturaram juntos mais de 1 bilhão mundialmente.
Foi indicada ao Globo de Ouro, SAG, Critics’ Choice, BAFTA e Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante pelo seu papel no filme Birdman (2014), de Alejandro González Iñárritu. Foi mais duas vezes indicada ao Globo de Ouro de melhor atriz em comédia ou musical por Easy A (2010) e pelo musical La La Land (2016), vencendo pelo segundo. Ainda por La La Land recebeu sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Atriz e venceu o BAFTA de Melhor Atriz, o Screen Actors Guild de Melhor Atriz Principal (Cinema) e o Coppa Volpi de Melhor Atriz no Festival de Veneza.
Imagem Natalie Portman “Jackie”
Vimos Natalie crescer diante das telas, não somente em estatura, sobretudo em talento. Com apenas 35 anos soma na carreira um Oscar por “Cisne Negro” em três indicações, além de dois Globos de Ouro, ainda carrega a alcunha de ser uma das melhores de sua geração. Este título não é um exagero, pois uma simples lembrança de suas atuações em “Cisne Negro”, “Closer” e “V de Vingança”, por exemplo, deixam as plateias mais exigentes assombradas com seu talento. Desta vez, ela está no que muitos apontam como o “papel de sua carreira”, interpretando a icônica ex-primeira dama Jackeline Kennedy em “Jackie”. Natalie pode estar a vias de sua segunda estatueta.
Imagem      Isabelle Huppert  “Elle”
Os artistas franceses sempre exerceram fascínio nos cinéfilos mais dedicados. Marion Cotillard, Juliette Binoche, Julie Delpy e Audrey Tatou são somente alguns exemplos recentes de atrizes premiadas e festejadas em todo mundo. Este ano é o ano de Isabelle Huppert! Desde Cannes, quando “Elle” estreou, toda a crítica caiu em encantamento por sua atuação. Descrita como forte, intensa e inteligente, Huppert construiu o caminho que a trouxe para um prêmio Globo de Ouro e a sonhada indicação ao Oscar. A categoria de Melhor Atriz nesta edição está disputadíssima, contudo o brilho da francesa é contagiante e a coloca em mais destaque dentre as demais.
Imagem  Meryl Streep “Florence: que Mulher é essa?”
Não há palavras que possam ser acrescentadas para descrever Meryl Streep, seu talento e a sua importância para o cinema. A maior atriz de nosso tempo, aquela que está no panteão mais dourado do cinema, quebra mais um recorde: com “Florence: Quem é Essa Mulher?”, ela chega a sua vigésima indicação. Ela está sensacional, engraçada e emotiva no longa, sua nomeação não é um acaso, está porque merece. Contudo, ademais de seu talento, há uma questão política que não pode ser descartada. Ela e o presidente Donald Trump tem trocado farpas ultimamente, inflamando Hollywood a estar do seu lado.
*A contagem das indicações e Oscars são em relação do  candidato com a categoria, e não o total da carreira.
HISTÓRICO DE INDICAÇÕES E VITÓRIAS

 Emma Stone – La La Land: Cantando Estações
- Vencedora de Melhor Atriz em Comédia ou Musical no Globo de Ouro
- Vencedora de Melhor Atriz no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards
– Indicada à Melhor Atriz no London Critics Circle Film Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Screen Actors Guild
– Vencedora de Melhor Atriz no Festival de Veneza

Ruth Negga – Loving

– Indicada à Melhor Atriz em Ascenção no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz Britânica no London Critics Circle Film Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Satellite Awards

Meryl Streep – Florence: Quem é essa mulher?

– Indicada à Melhor Atriz em Comédia ou Musical no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Bafta
- Vencedora de Melhor Atriz em Comédia no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Screen Actors Guild

Isabelle Huppert – Elle

- Vencedora de Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Vencedora de Melhor Atriz no Boston Society of Film Critics Awards

– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Independent Spirit Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Los Angeles Film Critics Association Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no National Society of Film Critics Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no New York Film Critics Circle Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no Satellite Awards

Natalie Portman – Jackie

– Indicada à Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz no Boston Society of Film Critics Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards

– Indicada à Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Screen Actors Guild

Fonte: Termômetro Oscar

617-lego-batman-o-filme-novo-trailer-divulgado-tb

[SC] Lego Batman – O Filme

Geeks e Cinéfilos,

Depois do grande sucesso do Lego – O Filme, temos o spin off do melhor e maior personagem da franquia.

Será o Batman definitivo?

Agora é hora da sinopse.

Sinopse:

Extremamente egocêntrico, Batman leva uma vida solitária como o herói de Gotham City. Apesar disto, ele curte bastante o posto de celebridade e o fato de sempre ser chamado pela polícia quando surge algum problema – que ele, inevitavelmente, resolve. Quando o comissário Gordon se aposenta, quem assume em seu lugar é sua filha Barbara Gordon, que deseja implementar alguns métodos de eficiência de forma que a polícia não seja tão dependente do Batman. O herói, é claro, não gosta da ideia, por mais que sinta uma forte atração por Barbara. Paralelamente, o Coringa elabora um plano contra o Homem-Morcego motivado pelo fato de que ele não o reconhece como seu maior arquinimigo.

Análise

Enfim uma animação que nos faz rir do início ao final. Um filme para a família toda, de piadas de referência (Amém) à piadas de bumbum (Para crianças). Teremos “fan service” para todos os gostos. Isso tudo misturado numa receita simples, que faz esse roteiro, mesmo sendo simples, ser coeso e interessante.

Temos um batman zoeiro, mas com problemas de relacionamento. O centro da conversa é o seu ego e seu maior problema a solidão.

O restante do cenário e participantes têm o estilo da lego com vários cenários e muitos personagens, mas nada embolado.

Vá de coração aberto.

6 / 7 BatSpheras

Assista o bate papo meu, Mario Felix e Gabriel Gaspar do Canal Acabou de Acabar

RE6