Capa_FINAL

[SL] Salto – Uma Aventura Steampunk (Campanha Coletiva)

Olá Geeks,

É com muito carinho que informo que o Youtuber e Quadrinista Rapha Pinheiro já conhecido no SpheraGeek por trazer uma discussão interessante sobre quadrinhos e cotidianos, traz, em primeira mão, a campanha coletiva do quadrinho Salto. Ele vem carregado de todo aprendizado e experiência que teve em sua ida a França, o berço da criação de quadrinhos.

Nesse quadrinho iremos conhecer um povo que mora nas profundezas de um planeta e terá toda a sua ambientação no subgênero SteamPunk.

Para conhecer mais sobre o projeto, assista ao vídeo e acesse o link do Cartase.

T+

https://www.catarse.me/salto_steampunk

BIPOLAR_card

[SL] Bipolar e sua Campanha Coletiva (Sci-Fi)

Olá Geeks,

A campanha coletiva do quadrinho de ficção cientifica “Bipolar” entra em sua reta final e não podemos deixar de dar aquele empurrão.

Sua meta principal já foi batida, mas para chegarmos a meta estendida que tornará a HQ toda colorida precisamos da sua ajuda.

Dê uma olhada na sinopse e no vídeo e entenda a grandiosidade do projeto.

Não podemos esquecer que a data final do projeto é dia 07/07 às 23h59m.

https://www.catarse.me/bipolar

 

Sinopse

Bipolar é um graphic novel em 2 volumes, que conta a história de Charlie, uma jovem criptóloga que tenta descobrir a verdade sobre a misteriosa morte de seu pai. Os detalhes desse assassinato são um segredo de Estado o qual Charlie não está autorizada a ter acesso. No entanto, essa não é uma personagem feita para respeitar as regras.

SCPR 12,5 - A Chegada e Passageiros Q2 cópia

SC Papo Randômico #12,5 – A Chegada, o Mercado Cinematográfico de Ficção Científica e também Passageiros

Feed / iTunes / Android / Download / Como Assinar um Podcast

Geeks e Casters,

Adentramos ao ano de 2017 com um episódio emocionante, com muitas alegrias, raivas e amor.

Thiago Simão, Paulo Elache (Pai da Ficção Científica), Paulo Fernandes (Consultor Literário da Podosfera) e Mogli (Espirito da Floresta) da Galera do Rau, falam sobre o mercado atual do cinema referente a literatura de Ficção Científica, além do badalado filme/Conto a Chegada (Sem e com Spoiler). Não podendo deixar de falar dos 3 minutinhos sobre passageiros(Sem Spoiler).

Bom cast!

 

Mural de recados

Part. Esp. Mario Felix

 

Link

PocketEspecular

Desafio 2017: Clube de Leitura e Escrita C.L.E

Autor Diego Oliveira Amazon

HQ 50 Girls 50 Horror Tale by Frank Frazetta

Clube de Leitura de Ficção Científica – CLFC 

Dê 5 estrelas para p Sphera

Sphera na Rede

Instagram e Twitter : @spherageek
Snapchat: spherageek
Grupo de ouvintes: OuvintoSphera
Cinema

[SC] Lançamentos do Cinema – 05/01/2017

Olá Geeks e Cinéfilos,

Sejam bem vindo a 2017 e vamos ao que interessa.

 

1. Passageiros (1h57m)

Já temos uma análise deste filme, é só clicar aqui.

Sinopse: 

Durante uma viagem de rotina no espaço, dois passageiros são despertados 90 anos antes do tempo programado, por causa de um mal funcionamento de suas cabines. Sozinhos, Jim (Chris Pratt) e Aurora (Jennifer Lawrence) começam a estreitar o seu relacionamento. Entretanto, a paz é ameaçada quando eles descobrem que a nave está correndo um sério risco e que eles são os únicos capazes de salvar os mais de cinco mil colegas em sono profundo.

 

2. Moona – Um Mar de Aventuras (1h47m)

Sinopse: 

Moana Waialiki é uma corajosa jovem, filha do chefe de uma tribo na Oceania, vinda de uma longa linhagem de navegadores. Querendo descobrir mais sobre seu passado e ajudar a família, ela resolve partir em busca de seus ancestrais, habitantes de uma ilha mítica que ninguém sabe onde é. Acompanhada pelo lendário semideus Maui, Moana começa sua jornada em mar aberto, onde enfrenta terríveis criaturas marinhas e descobre histórias do submundo.

 

3. Dominação (1h31m)

Sinopse: 

Um exorcista não convencional, que é capaz de entrar no subconsciente de uma mente possuída, conhece uma outra pessoa com a mesma capacidade enquanto confronta seu próximo caso, um garoto de nove anos de idade que está possuído por um demônio do seu passado.

 

4. Sete Minutos Depois da Meia Noite (1h48m)

Sinopse:

Conor é um garoto de 13 anos de idade, com muitos problemas na vida. Seu pai é muito ausente, a mãe sofre um um câncer em fase terminal, a avó é uma megera, e ele é maltratado na escola pelos colegas. No entanto, todas as noites Conor tem o mesmo sonho, com uma gigantesca árvore que decide contar histórias para ele, em troca de escutar as histórias do garoto. Embora as conversas com a árvore tenham consequências negativas na vida real, elas ajudam Conor a escapar das dificuldades através do mundo da fantasia.

184425.jpg-c_215_290_x-f_jpg-q_x-xxyxx

[SC] Passageiros

Geeks e Cinéfilos,

Neste dia 05 de janeiro estreia o primeiro filme de ficção em 2017 e os atores escolhidos são os queridinhos de Hollywood: Jennifer Lawrence (Aurora Lane) e Chris Pratt (Jim Preston).

Sinopse (1h 57min – 12 anos)

Durante uma viagem de rotina no espaço, dois passageiros são despertados 90 anos antes do tempo programado, por causa de um mal funcionamento de suas cabines. Sozinhos, Jim (Chris Pratt) e Aurora (Jennifer Lawrence) começam a estreitar o seu relacionamento. Entretanto, a paz é ameaçada quando eles descobrem que a nave está correndo um sério risco e que eles são os únicos capazes de salvar os mais de cinco mil colegas em sono profundo.

Análise

Como é bom estarmos numa geração que ama ficção científica e começarmos 2017 já assistindo a um filme nas estrelas.

Passageiros vem trazer um drama/romance no espaço, com cenário maravilhoso e um som que nos encanta. Só o que é desanimador é o 3D, que não nos insere no filme.

Acompanharemos nesta viagem o desespero se tornar solidão.  E logo depois, o romance se tornar um alento para o coração. Essa mistura toda é beneficiada com umas pitadas de ação no final (pena que o filme tenha me proporcionado alguns cochilos em muitos momentos).

Temos um foco muito grande nos seus personagens principais, a primeira parte toda com o Jim Preston e depois temos a entrada da Aurora Lane (não podemos deixar de apontar a ótima química dos dois).

Vale a pena assistir ao filme, o drama/romance é o foco e quando ameaça cair no tédio temos a participação do Michael Sheen, o Arthur, que se torna um ótimo alívio cômico.

Nota: 4 / 7 Sphera Intergaláticas

Obs: Não entendi porque a Inteligência Artificial dessa nave é bem fraca.

Arival-A-Chegada-Filme-1

[SC] A Chegada

Quando misteriosas naves espaciais aterrissam em todo o mundo, uma equipe de elite – liderada pela linguista Louise Banks – é reunida para investigar. Enquanto a humanidade hesita à beira de uma guerra mundial, Banks e sua equipe correm contra o tempo em busca de respostas – e para encontrá-las, ela terá de se arriscar colocando em perigo a própria vida e, muito possivelmente, a do resto da humanidade.

Baseado no conto “The Story Of Your Life”, de Ted Chiang, o filme segue a batuta do diretor Denis Villeneuve (Os SuspeitosSicário – Terra de Ninguém) que trabalha toda uma esfera de suspense (mesmo o filme sendo classificado como ficção científica, o que gera uma curiosidade a mais e nos dá um gostinho de quero mais). A direção do longa deixa bem claro que a história do filme traz uma interação social entre humanos e extraterrestres e sobre como poderíamos lidar com esta situação.

Vários conceitos de filmes de ficção científica são empregados no filme como desdobramentos de tempo, viagens espaciais, contato com outra uma espécie, conceitos sobre a gravidade lembrando filmes como por exemplo Interstellar e Contato.

No elenco temos grandes celebridades como Amy Adams (Dra. Louise Banks),  Jeremy Renner (matemático Ian Donnelly) e o ator Forest Whitaker (Coronel Weber).   A história parece ser bem confusa e misteriosa com várias hipóteses sendo criadas pelo público até o clímax no final, aonde todas aquelas pontas soltas que vimos durante o decorrer da história terminam bem amarradas, gerando im “grand finale” ao filme.

A Chegada tem um impacto certo junto ao grande público com uma fotografia primorosa de Bradford Young (O Ano Mais Violento) e Jóhann Jóhannsson, um ambiente certo para deixar o público tenso e curioso do começo ao fim.

 

homem-maquina

[SL] Video Resenha : O Homem Máquina

Olá, eu sou a Lya, do canal no youtube Lia o Livro, e deixo uma dica super legal do livro: O homem Máquina, do escritor  Max Barry.

Sinopse: Charles Neumann é engenheiro e trabalha em um sofisticado laboratório de pesquisas. Ele não tem amigos ou qualquer tipo de habilidade social, e ama máquinas e tecnologia. Por isso, quando perde uma das pernas em um acidente de trabalho, Charlie não encara a situação como uma tragédia, e sim como uma oportunidade. Ele sempre achou que o frágil corpo humano poderia ser aperfeiçoado, e então decide colocar em prática algumas ideias. E começa a construir partes. Partes mecânicas. Partes melhores. A especialista em próteses Lola Shanks é apaixonada por membros e órgãos artificiais. Quando conhece Charlie, ela fica fascinada com a possibilidade de ter encontrado um homem capaz de produzir um corpo totalmente mecânico. Mas as outras pessoas acham que ele é um louco. Ou um produto. Ou uma arma. Em uma sátira sobre como a sociedade se tornou tão dependente da tecnologia, Homem-máquina narra a estranha e divertida jornada de um homem em busca do autoaprimoramento. Aclamado entre os fãs de ficção científica, Max Barry inicialmente publicou uma versão seriada de Homem-máquina em seu site na internet e incorporou comentários e sugestões dos leitores à narrativa.

 

Não se esqueça de me acompanhar nas redes sociais e se inscrever lá no canal ok?

Abraços,

Lya.

Blog: http://liaolivro.blogspot.com.br/
Siga-me: http://instagram.com/liaolivro/
Twitter: @mayumilia
email: liamayumii@gmail.com
caixa postal 81693-cep: 04378-971-São Paulo/SP

the_martian_01-1024x551

SpheraCine #20 – Perdido em Marte

Por: Caio Uxo (Los Chicos)

Para quem estava com saudades de Ridley Scott fazendo um bom filme de ficção científica, pode acalmar o coração, pois a espera acabou!

Perdido em Marte conta a história de Mark Watney (Matt Damon), um astronauta e botânico que estava, juntamente com sua equipe, realizando uma missão no planeta Marte. Já no planeta vermelho, a equipe liderada por Melissa Lewis (Jessica Chastain) se vê obrigada a abortar a missão por conta de uma tempestade que se aproximava do local onde o grupo realizava suas pesquisas.

the_martian_04

Durante a fuga apressada, um acidente envolvendo os fortes ventos da tempestade, faz com que Mark Watney seja atingido por uma antena de comunicação. Após uma breve busca, Lewis não consegue encontrar Watney, que também não responde a qualquer tipo de comunicação. Sendo assim o astronauta e botânico é tido como morto, o que abala emocionalmente à toda equipe de Lewis, que agora retorna para a Terra, numa viagem de meses.

No entanto, quase que por um milagre, Watney está vivo. O sobrevivente tenta, sem sucesso, comunicar-se com a Terra, e se vê sem qualquer tipo de contato com a NASA ou a sua equipe. Como se isso já não fosse o suficiente, Mark Watney se dá conta de que não possuía suprimentos suficientes para manter-se vivo no planeta vermelho, até a chegada de outra equipe a Marte.

Matt Damon portrays an astronaut who faces seemingly insurmountable odds as he tries to find a way to subsist on a hostile planet.

Como Watney lida com o fato de estar sozinho num planeta inteiro, com escassez de suprimentos e sem se comunicar é a história de Perdido em Marte, um filme com um roteiro mais do que interessante. Sem contar a ambientação e fotografia do filme que são realmente impressionantes, fazendo com que o público sinta-se no planeta vermelho junto com o protagonista.

O filme possui uma trilha sonora muito boa, abusando de musicas antigas, tal qual Guardiões da Galáxia. Sem sombra de dúvida, as músicas utilizadas no filme fazem a diferença em Perdido em Marte e são capazes de envolver e divertir quem assiste ao filme.

the_martian_03

As personagens foram bem exploradas durante a trama e a atuação, salvo algumas exceções, também é um ponto positivo do elenco, que além de Matt Damon e Jessica Chastain, também contava com nomes como Michael Peña, Kristen Wiig, Chiwetel Ejiofor, Kate Mara, Jeff Daniels e Sean Bean.

Mesmo contando a história de um astronauta completamente sozinho num planeta inteiro, Perdido em Marte consegue apresentar um ritmo emocionante, com algumas cenas de ação e, acredite ou não, humor. Apesar de um final previsível, o filme consegue prender a atenção e surpreender do começo ao fim. Esse é um filme que com certeza estará na minha estante. Sendo, na minha opinião, um dos melhores filmes de ficção cientifica lançados recentemente.

the_martian_06

Ao sair do cinema nem me dei conta de que já haviam se passado 141 minutos, o que ao meu ver, só reforça a ideia de que o filme consegue levar o público a sentir-se perdido em Marte, junto com o astronauta botânico Mark Watney.

Perdido em Marte é completo e não deixa muito a desejar, o que fez com que o filme tenha sido bem aceito pela crítica. É um filme altamente recomendado para você que gosta de uma ficção cientifica pautada na realidade, sem muitos exageros e sem exigir muito da sua suspensão de descrença.

 

the_martian_05

Ficha Técnica:

Título Original: The Martian

Ano produção: 2015

Dirigido por: Ridley Scott

Estreia no Brasil: 01 de outubro de 2015

Duração: 141 minutos

Classificação: 12 anos

Gênero: Ficção Científica

País de Origem: Estados Unidos

SpheraBook #13 – A Morte da Luz

featured_a_morte_da_luz

Geeks e Leitores,

Estamos hoje dando o passo para adentrarmos aos mundos depois do véu. O chamado foi feito e o amor será reeditado?

Sinopse

Um planeta está prestes a morrer, seu caminho se afasta das estrelas que trazem vida àquele lugar. Suas 14 cidades, construídas rapidamente quando o planeta passou por perto de uma grande estrela, também estão moribundas. Worlorn não é o planeta que Dirk t’Larien imaginava, e Gwen Delvano não é mais a mulher que conhecera. Ela está ligada a outro homem e a esse planeta moribundo preso no crepúsculo, seguindo em direção à noite sem fim. Em meio à paisagem desoladora, há um violento choque de culturas, no qual não há códigos ou honra e uma batalha se espalhará rapidamente.

vikary_gwen (1)

Análise

O Grande escritor George R. R. Martin,(série As Crônicas de Gelo e Fogo)  mostra nesse seu primeiro livro a sua facilidade em criar personagens vilõesheróis, bons coadjuvantes e novos mundos. Não é  à toa que ganhou vários prêmios do mundo de fantasia e ficção científica. Sua data de lançamento é 1977, só que no Brasil só foi lançado oficialmente em 2012 pela Editora Leya, depois do grande sucesso das Crônicas do Gelo e do Fogo.

Neste livro, ornamentado no Space Opera (link do Cast) que detém fortemente também características de um romance, vemos o autor trazendo um universo rico de informações e de uma leitura de difícil acesso para aqueles que ainda estão começando no fantástico mundo da leitura.

A história é muito bem amarrada e a todo momento tem inserções entre os próprios personagens sobre os mundos existentes e os povos. Num primeiro momento, acharemos que a plot principal do livro é o romance, contudo descobriremos que é uma situação pequena para problemas étnicos muito mais fortes.

Na hora de pensar o que iria colocar no livro, ele não poupou situações, como grandes cenas de lutas, caçadas sangrentas, amizades estranhas, dualidades/preconceitos entre raças e o grande poder da história de cada povo. Honra e dever são características de cada forma por cada pessoa/raça.

É um livro razoavelmente grande com 334 paginas e sabendo esperar se consegue comprar a uns 20 reais no submarino.

Vale muito a pena ler o livro desse gênio que é o meu amigo George.

Links

Site Oficial do Georginho

Skoob do SpheraGeek

Feed do SpheraGeek

Nota Geral

Bonequinho nota 8

“Um Planeta errante, um viajante sem objetivo, um pária da criação; esse mundo era todas essas coisas…

a-morte-da-luz1

SpheraBooks #09 – Viagem ao Centro da Terra

coluna-spherabook

Geeks e Leitores,

A terra não é o limite… Preparem suas tralhas para fazermos a viagem mais louca de nossas vidas!

Sinopse

Axel está prestes a viver a aventura de sua vida, ainda que a contragosto. Obrigado pelo tio a acompanhá-lo numa expedição ao centro do planeta, o jovem e perspicaz narrador diverte o leitor com seu bem-humorado relato da jornada, angustiado diante das excentricidades do genial professor Lindenbrock e de seu impassível guia. Fruto de meticulosa pesquisa.

12142319

Análise

Esse é o primeiro livro que leio que está datado em 1800. Esse especifico teve seu lançamento em 1864 e seu escritor é o ilustre Francês Júlio Verne, um dos pais da ficção científica.

A narrativa venceu o tempo e é um livro gostoso de ler. Descritivo sim, mais só o necessário.

O relacionamento é bem abordado e a aventura é o carro chefe.

Não tem limite de idade para ler e se quiser dá para lê-lo em dois dias no máximo.

Aproveite o máximo esse livro que é considerado o melhor feito pelo Tio Verne.

Nota Geral

Bonequinho nota 7

“Para que lado?”

images

 

SpheraBook #03 – Protocolo Bluehand: Alienígenas

Sinopse:

O Protocolo Bluehand é um conjunto de diretrizes e conhecimentos que farão a diferença na subsistência e resistência contra os mais diversos perigos ignorados pelo senso comum social.

O codinome Bluehand nasceu no site Jovem Nerd como sinônimo de uma pessoa curiosa e interessada, o típico nerd, aquele sujeito que, por sua inteligência e sapiência, tornar-se-ia indispensável em uma situação de emergência.

No entanto, esse termo deve ser extrapolado acima de um único indivíduo, se a raça humana aspira sobreviver a um evento de proporções cataclísmicas. Quem devemos procurar em uma sociedade fragmentada pela obliteração de organizações políticas, civis e militares? Se você leu este livro, já sabe a resposta.

[youtube=http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=_bTyOmdC6JI]

Geeks dos Céus,

Estamos a beira do fim do mundo e temos que fazer uma pergunta:  “Você esta preparado para o que der e vier? Se a resposta é não então acabaram parte de seus problemas, pelo menos contra alienígenas.

No dia 08 de dezembro de 2011 (faltando quase 1 ano para o fim do mundo) foi lançado o Protocolo Bluehand: Alienígenas, pela Editora Nerdbook’s, do Grupo Jovem Nerd. Quem assina a autoria é o conceituado Eduardo Sporh (Batalha do Apocalipse: + 200 mil cópias vendidas em 5 países) juntamente com Alexandre Ottoni, O Jovem Nerd e Deive Pazzos, Azaghal. Considerado um livro de Ficção Científica (ou não), esse guia/Bíblia é lançado como a principal peça contra a dominação Alienígena que virá ocorrer.

Nas suas primeiras 24 horas teve uma adesão de 2 mil vendas e em 72 horas foram 4 mil guias de sobrevivências vendidos. Concerteza ficou no TOP 1 em vendas nessa semana.

Um guia bem detalhado do que você deve e não deve fazer contra Alienígenas. Dando o passo a passo bem detalhado, desde cnhecimento de fatos que já ocorreram e até a descrição sobre os Alienígenas que passaram por aqui.

Sem falar das opções dadas ante o cataclisma global da invasão. As intruções são bem especificas de como montar seu abrigo, como se contactar com os sobreviventes e manter a sociedade viva, unida e organizada.

O combate é dado como certo, então desde o manuseio de armas usuais  a criação de algumas, não se esquecendo da preparação física para tal intento. Mas, sempre obedecendo as regras estipulas, como no texto mais abaixo.

Enfim, um livro de ótima leitura,  e que te deixa preparado para o que der e vier (Literalmente). A compilação de dados existente é muito boa, de fontes interessantes e bem usuais. Não consegui ler o livro numa paulada só , mas todo dia ia de cadinho em cadinho.

Prepare-se!!! Isso não é besteira, a qualquer momento poderemos ser pegos de surpresa, a menos que você se prepare. E nunca se esqueça da TOALHA, pois ela pode ser a melhor arma contra o desconhecido!!!

Regras

(Retirado do Livro Protocolo Bluehand: Alienígenas)

Regra n˚1 › Os extraterrestres não são nossos amigos. Se fossem, eles nos deixariam em paz. Mesmo os mais “evoluídos” alienígenas têm interesses escusos na Terra. Nunca confie neles.

Regra n˚2 › Em caso de avistamento ou contato, não entre em pânico. Se você está lendo isto, tem 85% mais chances do que uma pessoa normal de escapar de um encontro imediato.

Regra n˚3 › Mantenha a calma e fuja! Nunca tente “investigar a luz” ou se comunicar com esses seres. Procure a rota mais segura e dê o fora.

Regra n˚4 › Quando tiver que lutar, respire fundo e use as técnicas recomendadas neste manual.

Regra n˚5 › Em caso de invasão, localize e proteja o Bluehand.

Clique na imagem para ir para o Site Oficial