a-menina-da-neve-minha-vida-literaria2

[SL] Dobradinha Literária| A Menina da Neve – Eowyn Ivey

Snapchat: aritadepaula
email: aritadepaula@gmail.com

Alasca, 1920: Um lugar especialmente difícil para os recém-chegados Jack e Mabel. Sem filhos, eles estão se afastando um do outro cada vez mais – ele, no duro trabalho da fazenda, ela, se perdendo na solidão e no desespero. Em um dos raros momentos juntos durante a primeira nevasca da temporada, eles fazem uma criança de neve. Na manhã seguinte, ela simplesmente desaparece. Jack e Mabel avistam uma menina loira correndo por entre as árvores, mas a criança não é comum. Ela caça com uma raposa-vermelha ao lado e, de alguma forma, consegue sobreviver sozinha no rigoroso inverno do Alasca. Enquanto o casal se esforça para entendê-la – uma criança que poderia ter saído das páginas de um conto de fadas -, eles começam a amá-la como se ela fosse filha deles. No entanto, nesse lugar bonito e sombrio, as coisas raramente são como aparentam ser, e o que aprendem sobre essa misteriosa menina vai transformar a vida de todos eles.

56

maxresdefault

[SL] Rapha Pinheiro : Vivendo na França chega ao Fim

O quadro vai chegar ao fim mas vai ser pelo bem maior! Quero a opinião de vocês sobre o que fazer agora no quadro novo.

Quer saber mais sobre meu trabalho? Aqui vai a lista de links úteis:

Meu Site: https://www.raphapinheiro.com/
Facebook: https://www.facebook.com/raphacpinhei
Instagram: @RaphaCPinheiro
Twitter: @RaphaCPinheiro

Aquele abraço!

 

 

k-de-bernardo-kucinski

[SL] K. Relato de uma busca | B. Kucinski

Um retrato da ditadura
Oh, pedaço de mim
Oh, metade arrancada de mim
Leva o vulto teu
Que a saudade é o revés de um parto
A saudade é arrumar o quarto
Do filho que já morreu

“Pedaço de mim” – Chico Buarque

K. – Relato de uma busca, foi escrito por Bernardo Kucinski e trata-se de uma história que ao mesmo tempo em que é verídica também é uma ficção. O livro retrata a busca incansável de um homem pela sua filha que simplesmente desapareceu da faculdade onde lecionava. A filha era professora de Química e desapareceu durante a Ditadura Militar. O livro é real e também ficcional. Digo isso pela história da irmã do autor que também desapareceu durante a Ditadura Militar.

Esta história se assemelha à de Zuzu Angel, e mostra uma perversidade única na realidade dos “desaparecimentos”. O livro, verdadeiramente, te faz pensar em muitas coisas. Ele é a prova viva de tudo que a gente ouve na escola, de tudo que a gente lê, de tudo que a gente estuda.

K. mostra que, de fato, tudo aquilo foi real. A Ditadura aconteceu, as pessoas morreram, as pessoas desapareceram e, muitas delas, até hoje não se sabe o que aconteceu ao certo.
Por outro lado, esta é também uma história do sofrimento judeu, e tudo o que acontece não passa de uma repetição de outros tantos massacres históricos.

Uma marca boa do estilo de Kucinski é a alta variabilidade de gêneros no livro: há cartas, depoimentos… relatórios de informantes. Acho que isso, somado ao fato de que os capítulos são curtos e a história, boa, colabora para o fato de que a leitura flui rápida.

bernardo-kucinski-foto-de-carolina-ribeiro.jpgBernardo Kucinski: (São Paulo, 1937) é um jornalista, escritor e cientista político brasileiro. É colaborador do Partido dos Trabalhadores e professor da Universidade de São Paulo, onde ministra a cátedra de jornalismo internacional, entre outras.

 

download

[SL] Vídeo Resenha | Os olhos do dragão – Stephen King

Olá amigos eu sou a Lia, do canal Lia o livro e trouxe uma vídeo resenha do mestre Stephen King.

Título: Os olhos do dragão
Autor: Stephen King
Editora: Viking Press
Ano:1987
Páginas:
Edição: 1

Sinopse: Um conto de fadas escrito pelo mestre do terror? Pode parecer estranho, mas o ‘Os Olhos do Dragão’ é um livro de características bem diferentes das demais obras de Stephen King. Segundo o escritor, esse romance surgiu do desejo de criar algo especial para a sua pequena filha, Naomi. Surgiu, então, a idéia de uma fábula. O resultado é uma história sobre o amor fraternal na qual o autor se dirige ao leitor como se estivesse contando uma lenda em voz alta.

Sigam-me os bons..kk

Blog: http://liaolivro.blogspot.com.br/
instagram: @liaolivro
Twitter: @mayumilia
email: liamayumii@gmail.com
caixa postal 81693-cep: 04378-971-São Paulo/SP

download

[SL] Vídeo Resenha: Na Escuridão, Amanhã – Rogério Pereira

Olá amigos, eu sou a Lia do canal Lia o Livro e trouxe uma resenha hoje de um livro nacional.

Título: Na escuridão amanhã
Autor: Rogério Pereira
Editora: Cosac Naify
Ano: 2013
Páginas: 128
Edição: 1

Sinopse:

Ambientada primeiro no campo, no interior de um estado do sul do Brasil, a narrativa desvenda uma roça anti-idílica, sufocante, em que os protagonistas – um casal e seus três filhos – se enredam cada vez mais na ausência de comunicação, perseguidos pela Idea de um Deus sem piedade. Ao migrar para a cidade grande em busca de vida melhor, a família se desgarra e se perde. A escuridão é o fim, o fim dos personagens, dos sonhos, das angústias. Amanhã é a incerteza, a perspectiva de um futuro desconhecido mas certamente ameaçador, pois é impossível que traga algo de bom. Viver é avançar para lugar nenhum. Por mais que invoque a proteção de Deus, não há conforto na experiência amedrontada, desencadeada da vida dos personagens deste livro em que a memória é convocada obsessivamente, como se narrar o que foi vivido pudesse ser uma redenção. O resultado é uma obra surpreendente em sua força claustrofóbica e em sua poesia contundente.

Me acompanhe nas redes por ai..

Blog: http://liaolivro.blogspot.com.br/
instagram: @liaolivro
Twitter: @mayumilia
email: liamayumii@gmail.com
caixa postal 81693-cep: 04378-971-São Paulo/SP

A-Guerra-Salvou-Minha-Vida-DarkSide-Books-post4

[SL] Vídeo Resenha | A Guerra que salvou a minha vida – Kimberly Brubaker

Desde que anunciaram o lançamento de A Guerra que Salvou a minha vida eu fiquei bem louco para ler. Hoje, trago as minhas impressões sobre esta leitura.

Sinopse: “A Guerra que Salvou a Minha Vida” é um daqueles romances que você lê com um nó no peito, sorrisos no rosto e – entre um parágrafo e outro – lagrimas nos olhos. Uma obra sobre as muitas batalhas que precisamos vencer para conquistar nosso lugar no mundo. Ada tem dez anos (ao menos é o que ela acha). A menina nunca saiu de casa, para não envergonhar a mãe na frente dos outros. Da janela, vê o irmão brincar, correr, pular – coisas que qualquer criança sabe fazer. Qualquer criança que não tenha nascido com um “pé torto” como o seu. Trancada num apartamento, Ada cuida da casa e do irmão sozinha, além de ter que escapar dos maus-tratos diários que sofre da mãe. Ainda bem que há uma guerra se aproximando. Os possíveis bombardeios de Hitler são a oportunidade perfeita para Ada e o caçula Jamie deixarem Londres e partirem para o interior, em busca de uma vida melhor.

fd44855c9f6bf4fdc185b9f97c3803a6

[SL] Dobradinha Literária | AS Esganadas – Jô Soares

Rio de Janeiro, 1938.
Um perigoso assassino está solto nas ruas tendo como alvo mulheres jovens bonitas e gordas.

Com requintes de crueldade gastronômica, ele mata sem piedade suas vítimas e depois expõe seus cadáveres escarnecendo as autoridades.

Acompanhe o delegado Noronha, seu ajudante Calixto e o detetive Esteves para desvendar este mistério.

Sem título

[SL] O Problema do Quadrinho Independente | Rapha Pinheiro

Hoje falamos do problema que assola o mercado independente e, se possível, propor soluções para ele.

Quer saber mais sobre meu trabalho? Aqui vai a lista de links úteis:

Meu Site: https://www.raphapinheiro.com/

Facebook: https://www.facebook.com/raphacpinhei…

Instagram: @RaphaCPinheiro

Twitter: @RaphaCPinheiro

Aquele abraço!

download

[SL] A Guardiã de Muiraquitãs | Gustavo Rosseb

Neste segundo volume da série As Aventuras de Tibor Lobato, Sátir desaparece e seu irmão Tibor Lobato, junto com o amigo Rurique, partem em busca de pistas, numa jornada que envolve viagens subaquáticas, cidades fantasmas, ataques de lobisomens, botos e filhotes de saci.

Quando os garotos pensam que as coisas não podem piorar, recebem um aviso da Guardiã de Muiraquitãs de que o último amuleto, que poderia garantir a vitória sobre a Cuca, foi roubado. Os rumores são de que o suposto ladrão é um forasteiro que ronda a Vila Serena, gerando muitas suspeitas e ainda mais mistérios. É chegada a hora de enfrentar a quaresma mais uma vez onde tentar sair ileso é uma tarefa quase impossível.

Ele deveria ter tomado mais cuidado com seus desejos…

Aventura / Fábula / Fantasia / Ficção / Infantojuvenil
Ano: 2016 / Páginas: 336
Idioma: português
Editora: Jangada

14324_gg

[SL] Para educar crianças feministas| Chimamanda Ngozi Adichie

Sabe aquele livreto que você deve carregar na bolsa, junto de sua carteira ou mesmo o livro de orações? Chimamanda nos deixa aqui observações aparentemente singelas que podem modificar o mundo com pequenas ações diárias, pequenas mudanças de pensamento que há muito tempo estão enraizados em nossas mentes.

Fui convidada por uma amiga para participar de uma reunião do grupo “Leia Mulheres” que acontece mensalmente aqui em Campinas e em muitas cidades pelo Brasil. O livro escolhido era este pequeno e singelo diamante, que eu de pronto já tinha rotulado de chato e enfadonho porque não gosto de debater sobre feminismo.

A autora recebe uma carta de uma amiga de infância onde a amiga pede conselhos sobre coo criar uma criança feminista. De início, Chimamanda se sente incapaz de responder a esta pergunta, porém desenvolve quinze conselhos para sua amiga Ijewele criar sua filha Chizalum como feminista.

Fiquei envergonhada ao final da leitura. Todos os conselhos são maravilhosos e identifiquei em mim tantas coisas negativas enraizadas devido a criação e vivências que tive, que a primeira reação minha era deixar junto a minha bolsa este livreto  para nunca esquecer destas lições.

Esta palestra foi dada em um evento TEDx local, produzido independentemente das conferências TED.  Nesta palestra sincera e engraçada, Chimamanda Adichie questiona os papéis dos gêneros e sugere uma forma diferente de pensar sobre eles, uma que poderia realmente trazer igualdade.

Título original: DEAR IJEAWELE OR A FEMINIST MANIFESTO
Tradução: Denise Bottmann
Páginas: 96  Lançamento: 24/02/2017
ISBN: 9788535928518    Selo: Companhia das Letras

Cinema

[SC] Lançamentos de Cinema – 11/05/2017

Vamos as novidades da semana?

Alien: Covenant (Ridley Scott, Estados Unidos)

O Dia do Atentado (Patriots day, Peter Berg, EUA)

Faces de Uma Mulher (Orpheline, Arnaud des Pallières, França)

Taego Ãwa, Henrique Borela, Marcela Borela, Brasil)

Crônica da Demolição (Eduardo Ades, Brasil)

O Cidadão Ilustre (El Ciudadano Ilustre, Gastón Duprat, Argentina)

paris

[SL]Clube de Leitura e Escrita – Abril: Paris é uma festa – Ernest Hemingway

Oi gente!!

Encerramos no mês de abril a leitura de Paris é uma festa. Foi muito gratificante a companhia de vocês e todas as dicas que recebemos para nosso clube de leitura. O livro escolhido para o mês de maio é O Corcunda de Notre Dame, de Victor Hugo.

Dando continuidade à renovação da identidade visual das obras de Ernest Hemingway, o livro Paris é uma festa é relançado no Brasil, um dos principais livros de sua carreira. Segundo título mais vendido do autor no Brasil, foi publicado pela primeira vez em 1964. O livro revela um Hemingway diferente. Em Paris, aos 22 anos, ele lê, pela primeira vez, clássicos como Tolstói, Dostoievski e Stendhal. Convive com Gertrude Stein, James Joyce, Ezra Pound, F. Scott Fitzgerald, figuras polêmicas e encantadoras para o jovem autor. A cidade e esses “companheiros de viagem” deram-lhe nova dimensão do humano e maior sensibilidade para alcançar os seus dois objetivos primordiais na vida: ser um bom escritor e viver em absoluta fidelidade consigo próprio. Há, em Paris é uma festa, momentos de suave melancolia, alternados com outros de cortante, quase selvagem crueldade.