Cinema

[SC] Lançamentos da Semana – 22/06/2017

Mais uma semana com estreias de filmes fantásticos. Fiquem atentos ao filme The Circle.. ele promete!!

 

O Círculo (The Circle, James Ponsoldt, EUA)

Bruxarias (Brujerias, Virgínia Curiá, Espanha)

Meus 15 anos (Maurício Eça, Brasil)

Na Vertical (Rester vertical, Alain Guiraudie, França)

Kiki – Os Segredos do Desejo (Kiki – El Amor Se Hace, Paco León, Espanha)

Frantz (François Ozon, França, Alemanha)

Divinas Divas (Leandra Leal, Brasil)

22

Mulher do pai (Cristiane Oliveira, Brasil)

Ao cair da noite (It comes at night, Trey Edward Shults, EUA)

Na Mira do Atirador (The Wall, Doug Liman, EUA)

Garota Ocidental – Entre o coração e a tradição (Noces, Bélgica, França, Luxemburgo, Paquistão)

 

 

Cinema

[SC] Lançamentos da Semana – 25/05/2017

Uma franquia que conquistou o coração do público volta para arrasar nos lançamentos dessa semana. Fique atento e confira!

 

Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar (Pirates of the Caribbean: Dead men tell no tales, Joachim Rønning, Espen Sandberg, Estados Unidos

A Vida Após a Vida (Zhang Hanyi, China)

Punhos de sangue (The Bleeder, Philippe Falardeau, EUA)

Faces de Uma Mulher (Orpheline, Arnaud des Pallières, França)

Dégradé (Arab Nasser, Tarzan Nasser, França, Palestina, Qatar)

Real – o plano por trás da história (Rodrigo Bittencourt, Brasil)

Reset (Relève: Histoire d’une création, Thierry Demaizière, Alban Teurlai, França)

Comeback: um matador nunca se aposenta (Erico Rassi, Brasil)

download

[SL] A Guardiã de Muiraquitãs | Gustavo Rosseb

Neste segundo volume da série As Aventuras de Tibor Lobato, Sátir desaparece e seu irmão Tibor Lobato, junto com o amigo Rurique, partem em busca de pistas, numa jornada que envolve viagens subaquáticas, cidades fantasmas, ataques de lobisomens, botos e filhotes de saci.

Quando os garotos pensam que as coisas não podem piorar, recebem um aviso da Guardiã de Muiraquitãs de que o último amuleto, que poderia garantir a vitória sobre a Cuca, foi roubado. Os rumores são de que o suposto ladrão é um forasteiro que ronda a Vila Serena, gerando muitas suspeitas e ainda mais mistérios. É chegada a hora de enfrentar a quaresma mais uma vez onde tentar sair ileso é uma tarefa quase impossível.

Ele deveria ter tomado mais cuidado com seus desejos…

Aventura / Fábula / Fantasia / Ficção / Infantojuvenil
Ano: 2016 / Páginas: 336
Idioma: português
Editora: Jangada

hqdefault

[SC] A Dona da Poltrona – Top 5 Filmes da Marvel

Olá, geeks!

A Dona da Poltrona voltou com força total agora! Sentiram minha falta? Na coluna desse domingo, vamos falar dos filmes da Marvel que têm arrebentado no cinema e faremos um Top 5 dos melhores! Querem saber a minha opinião? não sou tão Malvelmaníaca como o Thiago Simão, o Supremo Geek, mas vamos lá!
5- Capitão América, o primeiro vingador
Não sou americanófila, mas por ser o Capitão América tão próximo do que é ser humano, esse filme me toca. Mesmo eu odiando filme de guerra e aquele sentimento imperialista de que os ianques são os salvadores da Pátria. A questão do não-envelhecimento do capitão me comove porque me interesso por cirurgia plástica, é a minha primeira formação antes de ser jornalista. E é impossível não se apaixonar por Chris Evans, mesmo ele sendo baixinho para os meus padrões! Há romance no ar e o filme vale a pena ser visto e revisto. Sempre passa nos Canais Telecine, da NET. O filme é de 2011.
Sinopse: 2ª Guerra Mundial. Steve Rogers (Chris Evans) é um jovem que aceitou ser voluntário em uma série de experiências que visam criar o supersoldado americano. Os militares conseguem transformá-lo em uma arma humana, mas logo percebem que o supersoldado é valioso demais para pôr em risco na luta contra os nazistas. Desta forma, Rogers é usado como uma celebridade do exército, marcando presença em paradas realizadas pela Europa no intuito de levantar a estima dos combatentes. Para tanto passa a usar uma vestimenta com as cores da bandeira dos Estados Unidos, azul, branca e vermelha. Só que um plano nazista faz com que Rogers entre em ação e assuma a alcunha de Capitão América, usando seus dons para combatê-los em plenas trincheiras da guerra.

 
4- o Homem de Ferro
 
De todos os vingadores, é o meu predileto. Amo Tony Stark. Seu jeito egocêntrico e capaz das maiores peripécias possíveis e imagináveis! O filme é dinâmico e envolvente. Vale a pena ver todos e ir descobrindo em cada um uma coisa inesperada do bilionário excêntrico, Tony. O filme é de 2008.
 
Sinopse: Tony Stark (Robert Downey Jr.) é um industrial bilionário, que também é um brilhante inventor. Ao ser sequestrado ele é obrigado por terroristas a construir uma arma devastadora mas, ao invés disto, constrói uma armadura de alta tecnologia que permite que fuja de seu cativeiro. A partir de então ele passa a usá-la para combater o crime, sob o alter-ego do Homem de Ferro.

3- Os Vingadores
Adoro esse filme porque reúne todos os super-heróis, cada um com a sua particularidade e acabo por adorar ver o Hulk, de Mark Ruffalo, um de meus atores favoritos. Não dá para cansar de ver tanto heroi reunido!!! Como gosto de mitologia nórdica, adoro ver Thor e seu irmão vilão Loki. O filme é de 2012.
Sinopse: Loki (Tom Hiddleston) retorna à Terra enviado pelos chitauri, uma raça alienígena que pretende dominar os humanos. Com a promessa de que será o soberano do planeta, ele rouba o cubo cósmico dentro de instalações da S.H.I.E.L.D. e, com isso, adquire grandes poderes. Loki os usa para controlar o dr. Erik Selvig (Stellan Skarsgard) e Clint Barton/Gavião Arqueiro (Jeremy Renner), que passam a trabalhar para ele. No intuito de contê-los, Nick Fury (Samuel L. Jackson) convoca um grupo de pessoas com grandes habilidades, mas que jamais haviam trabalhado juntas: Tony Stark/Homem de Ferro (Robert Downey Jr.), Steve Rogers/Capitão América (Chris Evans), Thor (Chris Hemsworth), Bruce Banner/Hulk (Mark Ruffalo) e Natasha Romanoff/Viúva Negra (Scarlett Johansson). Só que, apesar do grande perigo que a Terra corre, não é tão simples assim conter o ego e os interesses de cada um deles para que possam agir em grupo.

2- Os Guardiões da Galáxia – Volume 2
É reunião dos anti-heróis mais interessantes de toda a galáxia. Impossível não se deliciar com as intrépidas aventuras de Peter Quill, seu walkman, as referências às músicas dos anos 80, em que vivi plenamente a minha adolescência. O filme te coloca o gostinho de querer sempre mais. E olha que nem vi o primeiro. Repararei essa falha em breve! É bacana ver como eles se tratam: uma família de verdade e ver o amor velado de Peter e Gamora!! Ela nunca dando o braço a torcer! O filme é de 2017.
Sinopse:Agora já conhecidos como os Guardiões da Galáxia, os guerreiros viajam ao longo do cosmos e lutam para manter sua nova família unida. Enquanto isso tentam desvendar os mistérios da verdadeira paternidade de Peter Quill (Chris Pratt).

1- Doutor Estranho
Meu interesse por Medicina é óbvio, mas a meu ver esse ainda é disparado o melhor filme da franquia Marvel. Benedict arrebenta e a história é bem engendrada com a ação Marvel costumeira, mas com altas doses de reflexão. Nitroglicerina pura!!! O filme é de 2016!
Sinopse: Stephen Strange (Benedict Cumberbatch) leva uma vida bem sucedida como neurocirurgião. Sua vida muda completamente quando sofre um acidente de carro e fica com as mãos debilitadas. Devido a falhas da medicina tradicional, ele parte para um lugar inesperado em busca de cura e esperança, um misterioso enclave chamado Kamar-Taj, localizado em Katmandu. Lá descobre que o local não é apenas um centro medicinal, mas também a linha de frente contra forças malignas místicas que desejam destruir nossa realidade. Ele passa a treinar e adquire poderes mágicos, mas precisa decidir se vai voltar para sua vida comum ou defender o mundo.

 

Sem título4

[SC] NETFLIX – Os treze porquês [Thirteen reasons why] | #NãoSejaUmPorquê

Os treze porquês [Thirteen reasons why], lançamento recente da Netflix, traz assuntos importantes como bullying, depressão, machismo e suicídio. Sem dúvidas é uma série para ser discutida.
Esse vídeo não contém spoiler.
#NãoSejaUmPorquê

MINHAS REDES SOCIAIS

◾ twitter: http://twitter.com/_mdevaneios
◾ instagram: http://twitter.com/mdevaneios
◾ facebook: http://facebook.com/BlogMerosDevaneios
◾ tumblr: http://merosdevaneios.tumblr.com
◾ skoob: https://www.skoob.com.br/usuario/417640
◾ pinterest: https://br.pinterest.com/merosdevaneios

O Canal Meros Devaneios tem seu foco na literatura, mas também abrange assuntos relacionados ao mundo cinematográfico, das séries e ao universo pop e geek em geral. Seja muito bem vindo e sinta-se a vontade para interagir.
SE INSCREVA NO CANAL MEROS DEVANEIOS

 

 

1317676709818

[SC] Lançamentos do Cinema: 06/04/2017

Olá amigos e amigas do Spherageek, iniciando as atividades do mês, segue a lista dos lançamentos de cinema para esta semana. Não esqueça da boa e velha pipoca, o refrigerante e uma deliciosa barra de chocolate para acompanhar estas emocionantes histórias.

 

A cabana (The shack, Stuart Hazeldine, EUA)

Despedida em grande estilo (Going in style, Zach Braff, Estados Unidos)

Cães Selvagens (Dog eat dog, Paul Schrader, EUA)

Os Smurfs e a vila perdida  (Get Smurfy, Kelly Asbury, Estados Unidos)

Todas as Manhãs do Mundo (Lawrence Wahba, Tatiana Lohmann, Brasil)

Argentina (Zonda – folclore argentino, Carlos Saura, Espanha, Argentina, França)

Por trás do céu (Caio Sóh, Brasil)

Dolores (Juan Dickinson, Argentina)

 

download

[SC] Dicas de séries para ficar de olho em 2017

LEGION (FX)

legion-fx-xmen-197201-640x320

O que é? Inspirada no personagem Legião, dos quadrinhos da Marvel, originalmente filho do Professor Xavier. A série não irá se conectar ao universo X-Men dos cinemas, e acompanha David Haller (Dan Stevens), um rapaz diagnosticado com esquizofrenia que vive em instituições psiquiátricas desde a infância. Ele se vê ‘assombrado’ por inúmeras personalidades, cada uma delas controlando um aspecto diferente de seus poderes. Quando ele encontra uma segunda paciente em um determinado hospital, ele confronta a possibilidade de ele não ser exatamente esquizofrênico. Legion é produzida por Noah Hawley (Fargo), e o elenco tem ainda Aubrey Plaza e Jean Smart. O trailer? Espetacular.

Quando estreia? 8 de fevereiro, no FX dos EUA e no dia seguinte no Brasil, no FX às 22h30.

 

AMERICAN GODS (STARZ)

maxresdefaultO que é? Inspirada na obra homônima de Neil Gaiman, acompanha Shadow Moon (Ricky Whittle), um homem que acabou de sair da prisão e, após sofrer um baque na vida pessoal, começa a trabalhar como segurança e companheiro de viagem para o Sr. Wednesday (Ian McShane), um homem misterioso e fraudulento que é, na verdade, um dos antigos deuses que está na Terra para travar uma luta contra os novos deuses que estão aos poucos perdendo lugar para os novos deuses, que refletem o amor da sociedade por dinheiro, fama, tecnologia, celebridades, etc. Produzida por Bryan Fuller, a série tem no elenco também Emily Browning, Gillian Anderson, Orlando Jones e Pablo Schreiber.

Quando estreia? O canal Starz não definiu uma data específica, mas a previsão é para abril de 2017.

 

PUNHO DE FERRO (NETFLIX)

punho-de-ferroO que é? A quarta série solo dos heróis Marvel/Netflix, que apresenta o último dos Defensores: Danny Rand (Finn Jones). Durante a sua infância, Rand é adotado por uma família da mística cidade perdida de K’un-Lun, após perder os pais durante uma expedição na China. Lá, ele aprende artes marciais e filosofia budista, e retorna a Nova York anos depois para combater o crime.

Quando estreia? Em 17 de março, mundialmente.

 

OS DEFENSORES (NETFLIX)

downloadO que é? Rodeada de muita antecipação (e tratada oficialmente como minissérie), Os Defensores vai reunir Demolidor, Jessica Jones, Luke Cage e Punho de Ferro, e vários dos coadjuvantes de cada uma das séries. A trama ainda é mistério, mas a vilã será ninguém menos que Sigourney Weaver, interpretando Alexandra — de quem pouco sabemos, já que a personagem não tem correspondente nos quadrinhos.

Quando estreia? A data de estreia não foi confirmada, mas a série é prevista para o segundo semestre de 2017.

 

RIVERDALE (CW/WARNER)

riverdale-header3O que é? Inspirada nos quadrinhos da Archie Comics, traz uma versão levemente obscura da HQ. Após Riverdale se recuperar de uma trágica perda, Archie (KJ Apa) começa a pensar mais seriamente a respeito do seu futuro, ao mesmo tempo que lida com uma “agitada vida amorosa”, dividido entre Betty (Lili Reinhart) e Veronica (Camila Mendes). A série é a possibilidade de resgatar o público jovem da CW, depois de a emissora ter sido inundada por heróis. E, pelo trailer, a trama parece entregar exatamente isso. O que você acha?

Quando estreia? Em 26 de janeiro, na CW. Em 13 de fevereiro, na Warner.

 

Fonte: Adoro Cinema

Cinema

[SC] Lançamentos do Cinema: 16/03/2017

Olá amigos, temos para esta semana boas estreias! Acompanhem!!

 

A Bela e a Fera (Beauty and the Beast, Bill Condon, Estados Unidos)

 

La Vingança (Fernando Fralha, Brasil)

 

Tinha que ser ele? (Why Him?, John Hamburg, EUA)

 

Na Vertical (Rester vertical, Alain Guiraudie, França)

 

Era o Hotel Cambridge (Eliane Caffé, Brasil)

 

O Filho de Joseph (Le fils de Joseph, Eugène Green, França, Bélgica)

 

Os Cowboys (Les Cowboys, Thomas Bidegain, França)

kubo-and-the-two-strings-movie-banner-01-600x350

[SC] Crítica: Kubo e as Cordas Mágicas

Ficha Técnica:
País: EUA       
Classificação: 10 anos
Estreia: 13 de Outubro de 2016
Duração: 90 min.    
Direção: Travis Knight
Roteiro: Chris Butler , Marc Haimes
Elenco: Matthew McConaughey , Charlize Theron , Rooney Mara , Ralph Fiennes , Art Parkinson , George Takei
Sinopse: Kubo vive uma vida tranquila em uma pequena vila no Japão até que um espírito vingativo faz com que todo tipo de monstros e deuses passem a persegui-lo. Para se livrar disso, Kubo precisa encontrar a armadura mágica que seu pai, um lendário samurai, costumava usar.

Esta animação conta com a excelência de Travis Knight, animador-chefe que assina os seguintes trabalhos : Coraline, Paranorman e Os Boxtrolls. Ele sabiamente se une ao estúdio de animação Laika e tem todos os elementos necessários, inclusive liberdade artística para organizar a produção de Kubo visto que os grandes trabalhos acima também são frutos dessa parceria.

Esta é uma obra de arte, uma janela para o perdão e a exaltação do amor!  Aqui, o trabalho de stop-motion esta impecável, muito fluido onde não percebemos em quase todo o longa que se trata de tal técnica, existe vida própria aqui, expressividade e amorosidade.

kubo-3-1158x595Kubo, um jovem garoto com poderes mágicos – ele consegue dar vida a pedaços de papel através de sua música. Quando ainda muito pequeno ele fora salvo por sua mãe de seu avô, o temível Rei da Lua, que acabou tirando um dos olhos do menino no processo e não descansará até arrancar o outro.

Com isso, o garoto e a mãe devem viver longe da luz do luar, até que um dia, descuidado, Kubo acaba sendo descoberto, o que o coloca em uma jornada para encontrar uma armadura lendária que o possibilitará enfrentar seu avô.

O trabalho de dublagem  melhora muito nossa percepção sobre a narrativa.

O roteiro nos entrega uma narrativa nada previsível, somos surpreendidos com uma história sobre a aceitação das diferenças. A busca pelos olhos do menino é uma metáfora que trata do enxergar e não do simples olhar.

Nota: 07 spheras!!

5950847_orig

[SC] #EuNoOscar : Você conhece as indicadas para melhor atriz?

Olá amigos cinéfilos, eu sou Arita Souza e estou aqui para deixar uma palinha das indicadas para a categoria de melhor atris nesta 89º Cerimônia do Oscar de 2017.
Além de conhecer o nome dessas princesas da telona, deixo também algumas informações sobre as premiações de cada uma em suas carreiras.
Imagem Ruth Negga    “Loving”
Ruth Negga nasceu em Adis Abeba, capital da Etiópia, mas cresceu em Limerick, Irlanda. É filha de pai etíope e mãe irlandesa.  Sua carreira começou em 2004 com o filme “Capital Letters”. Depois participou de filmes como: “Jogos Do Crime” (2012); “Guerra Mundial Z” (2013) e “Noble” (2014). Ruth conquistou seu espaço com repercussão internacional pelo filme “Loving”, em 2016, sendo indicada ao Oscar De Melhor Atriz.
Além de filmes, a atriz já teve participações em séries, como: “Criminal Justice” (2008); “Love/Hate” (2010); “Marvel’s Agents of S.H.I.E.L.D.” (2013) e “Preacher” (2016.
Imagem Emma Stone “La La Land: Cantando Estações”
É atriz, dubladora e modelo americana. Stone começou sua carreira como atriz mirim atuando em peças teatrais até ganhar reconhecimento pelo seus desempenhos em Superbad (2007) e Zumbilândia (2009). Recebeu aclamação da crítica pelo seu papel na comédia Easy A (2010) que a fez tornar uma das mais promissoras atrizes em Hollywood. Ganhou notoriedade também pelo seus desempenhos na comédia romântica Crazy Stupid Love (2012), e pelo drama aclamado pela critica The Help (2011). Seu maior sucesso comercial no entanto veio interpretando Gwen Stacy nos filmes de super-herói da Sony The Amazing Spider Man (2012) e The Amazing Spider Man 2 (2014) que faturaram juntos mais de 1 bilhão mundialmente.
Foi indicada ao Globo de Ouro, SAG, Critics’ Choice, BAFTA e Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante pelo seu papel no filme Birdman (2014), de Alejandro González Iñárritu. Foi mais duas vezes indicada ao Globo de Ouro de melhor atriz em comédia ou musical por Easy A (2010) e pelo musical La La Land (2016), vencendo pelo segundo. Ainda por La La Land recebeu sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Atriz e venceu o BAFTA de Melhor Atriz, o Screen Actors Guild de Melhor Atriz Principal (Cinema) e o Coppa Volpi de Melhor Atriz no Festival de Veneza.
Imagem Natalie Portman “Jackie”
Vimos Natalie crescer diante das telas, não somente em estatura, sobretudo em talento. Com apenas 35 anos soma na carreira um Oscar por “Cisne Negro” em três indicações, além de dois Globos de Ouro, ainda carrega a alcunha de ser uma das melhores de sua geração. Este título não é um exagero, pois uma simples lembrança de suas atuações em “Cisne Negro”, “Closer” e “V de Vingança”, por exemplo, deixam as plateias mais exigentes assombradas com seu talento. Desta vez, ela está no que muitos apontam como o “papel de sua carreira”, interpretando a icônica ex-primeira dama Jackeline Kennedy em “Jackie”. Natalie pode estar a vias de sua segunda estatueta.
Imagem      Isabelle Huppert  “Elle”
Os artistas franceses sempre exerceram fascínio nos cinéfilos mais dedicados. Marion Cotillard, Juliette Binoche, Julie Delpy e Audrey Tatou são somente alguns exemplos recentes de atrizes premiadas e festejadas em todo mundo. Este ano é o ano de Isabelle Huppert! Desde Cannes, quando “Elle” estreou, toda a crítica caiu em encantamento por sua atuação. Descrita como forte, intensa e inteligente, Huppert construiu o caminho que a trouxe para um prêmio Globo de Ouro e a sonhada indicação ao Oscar. A categoria de Melhor Atriz nesta edição está disputadíssima, contudo o brilho da francesa é contagiante e a coloca em mais destaque dentre as demais.
Imagem  Meryl Streep “Florence: que Mulher é essa?”
Não há palavras que possam ser acrescentadas para descrever Meryl Streep, seu talento e a sua importância para o cinema. A maior atriz de nosso tempo, aquela que está no panteão mais dourado do cinema, quebra mais um recorde: com “Florence: Quem é Essa Mulher?”, ela chega a sua vigésima indicação. Ela está sensacional, engraçada e emotiva no longa, sua nomeação não é um acaso, está porque merece. Contudo, ademais de seu talento, há uma questão política que não pode ser descartada. Ela e o presidente Donald Trump tem trocado farpas ultimamente, inflamando Hollywood a estar do seu lado.
*A contagem das indicações e Oscars são em relação do  candidato com a categoria, e não o total da carreira.
HISTÓRICO DE INDICAÇÕES E VITÓRIAS

 Emma Stone – La La Land: Cantando Estações
- Vencedora de Melhor Atriz em Comédia ou Musical no Globo de Ouro
- Vencedora de Melhor Atriz no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards
– Indicada à Melhor Atriz no London Critics Circle Film Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Screen Actors Guild
– Vencedora de Melhor Atriz no Festival de Veneza

Ruth Negga – Loving

– Indicada à Melhor Atriz em Ascenção no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz Britânica no London Critics Circle Film Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Satellite Awards

Meryl Streep – Florence: Quem é essa mulher?

– Indicada à Melhor Atriz em Comédia ou Musical no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Bafta
- Vencedora de Melhor Atriz em Comédia no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Screen Actors Guild

Isabelle Huppert – Elle

- Vencedora de Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Vencedora de Melhor Atriz no Boston Society of Film Critics Awards

– Indicada à Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Independent Spirit Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Los Angeles Film Critics Association Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no National Society of Film Critics Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no New York Film Critics Circle Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no Satellite Awards

Natalie Portman – Jackie

– Indicada à Melhor Atriz em Drama no Globo de Ouro
– Indicada à Melhor Atriz no Bafta
– Indicada à Melhor Atriz no Boston Society of Film Critics Awards
- Vencedora de Melhor Atriz no Critics’ Choice Movie Awards
– Vencedora de Melhor Atriz no Chicago Film Critics Association Awards

– Indicada à Melhor Atriz no Gotham Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Satellite Awards
– Indicada à Melhor Atriz no Screen Actors Guild

Fonte: Termômetro Oscar

Cinema

[SC] Lançamentos do Cinema – 16/02/2017

Olá Geeks e Cinéfilos,

Vamos conhecer as estreias desta semana nas melhores salas de cinema do país?

 

1. A Cura (A Cure for Wellness, Gore Verbinski, Estados Unidos)  Não recomendado para menores de 16 anos

Um ambicioso executivo é enviado para os Alpes Suíços para resgatar o CEO de sua companhia de um ‘Centro de Cura’, mas logo descobre que o local não é tão inócuo quanto parece.

2. Lion – Uma Jornada Para Casa (Lion, Garth Davis, EUA, Austrália, Reino Unido)  Não recomendado para menores de 12 anos

Quando tinha apenas cinco anos, o indiano Saroo (Dev Patel) se perdeu do irmão numa estação de trem de Calcutá e enfretou grandes desafios para sobreviver sozinho até de ser adotado por uma família australiana. Incapaz de superar o que aconteceu, aos 25 anos ele decide buscar uma forma de reencontrar sua família biológica.

3. John Wick – Um Novo Dia Para Matar (John Wick: Chapter 2, Chad Stahelski, Estados Unidos)  Não recomendado para menores de 16 anos

John Wick (Keanu Reeves) é forçado a deixar a aposentadoria mais uma vez por causa de uma promessa antiga e viaja para Roma, a Cidade Eterna, com o objetivo de ajudar um velho amigo a derrubar uma organização internacional secreta, perigosa e mortal de assassinos procurados em todo o mundo.

4. Aliados (Allied, Robert Zemeckis, EUA)   Não recomendado para menores de 14 anos

Em uma missão para eliminar um embaixador nazista em Casablanca, no Marrocos, os espiões Max Vatan (Brad Pitt) e Marianne Beausejour (Marion Cotillard) se apaixonam perdidamente e decidem se casar. Os problemas começam anos depois, com suspeitas sobre uma conexão entre Marianne e os alemães. Intrigado, Max decide investigar o passado da companheira e os dias de felicidade do casal vão por água abaixo.

5. 600 Milhas (600 miles, Gabriel Ripstein, México, EUA)

Arnulfo (Kristyan Ferrer) é um jovem traficante de armas mexicano que trabalha para um cartel de drogas. O que ele não sabe é que está sendo vigiado pelo agente americano Hank Harris (Tim Roth) da ATF, uma organização conhecida por seus métodos duvidosos. Mas quando Harris comete um erro fatal, Arnulfo entra em pânico, decidindo fazer o agente de réfem e entregá-lo para seus clientes no México. Na viagem, porém, os dois acabam criando um forte laço, enquanto o destino final só se aproxima.

6. Eu, Olga Hepnarová (Tomas Weinreb, Rep. Tcheca, Polônia, Eslováquia, França) Não recomendado para menores de 16 anos

Olga Hepnarova é uma jovem, crescida em uma família que nunca a aceitou pelo fato da moça ser homossexual. Atacada e pressionada por todos os lados pela sociedade, Olga começa a isolar-se ainda mais em seu próprio mundo. Alienada e solitária, Olga fará escolhas trágicas que a levarão a cometer atos que marcaram a história.

Cinema

[SC] Lançamentos do Cinema – 17/11/2016

Geeks e Cinéfilos,

Vamos as principais estreias da semana.

 

1. Animais Fantásticos e Onde Habitam

“Animais Fantásticos e Onde Habitam” se passa no ano de 1921, 70 anos antes dos acontecimentos de Harry Potter, e a história começa com a chegada de Newt Sacamander (Eddie Redmayne), a Nova York. Ele é ex-aluno da escola de magia Hogwarts, que está de posse de uma maleta recheada de animais mágicos coletados em suas viagens por todos os cantos do planeta.  Após um pequeno incidente, alguns bichos escapam e o bruxo precisa capturá-los rapidamente para evitar que algum mal aconteça.”

 

2. Um Estado de Liberdade

Não recomendado para menores de 14 anos

Durante a Guerra Civil Americana, o fazendeiro Newton Knight (Matthew McConaughey) forma um grupo de rebeldes contra a Confederação. Ele é contrário à escravidão, mas também à secessão. Assim, reunindo pobres fazendeiros, o pequeno condado de Jones rompe com o grupo majoritário e forma um pequeno estado livre. Ao longo dos anos, Knight combate a influência racista do Ku Klux Klan e forma a primeira comunidade interracial do sul, casando-se com a ex-escrava Rachel (Gugu Mbatha-Raw).

 

3. Elle
Não recomendado para menores de 16 anos.

Michèle (Isabelle Huppert) é a executiva-chefe de uma empresa de videogames, a qual administra do mesmo jeito que administra sua vida amorosa e sentimental: com mão de ferro, organizando tudo de maneira precisa e ordenada. Sua rotina é quebrada quando ela é atacada por um desconhecido, dentro de sua própria casa. No entanto, ela decide não deixar que isso a abale. O problema é que o agressor misterioso ainda não desistiu dela.

 

4 . As Confissões

Roberto Salus (Toni Servillo) é um carismático monge que foi convidado para participar de uma reunião com ministros de finanças em um luxuoso hotel na costa do Báltica. Mas quem convidou o frade para a reunião? E quem matou um dos financiadores que tinham planos radicais de mudar a ordem econômica mundial?

 

5. Sob Pressão

Dr. Evandro (Júlio Andrade) e sua equipe, formada também pelos doutores Paulo (Ícaro Silva) e Carolina (Marjorie Estiano) enfrentam um tenso dia no hospital em que trabalham quando têm que realizar três cirurgias muito complicadas: um traficante, um policial militar e uma criança. O que complica o caso é que os três foram feridos no mesmo tiroteio em uma favela próxima ao hospital.